Edição anterior (2505):
sexta-feira, 17 de setembro de 2021
Ed. 2505:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2505): sexta-feira, 17 de setembro de 2021

Ed.2505:

Compartilhe:

Voltar:


  Detran

Operação da PM e Detran para coibir veículos irregulares emite quase 70 autos de infração no Centro

 

Foto:Divulgação 26 BPM

Wesley Fernandes – especial para o Diário

Quase 70 autos de infração foram emitidos e cinco Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) irregulares foram recolhidos durante uma operação realizada pelo Departamento de Trânsito do Estado do Rio de Janeiro (Detran) e a Polícia Militar (PM) para coibir veículos irregulares em Petrópolis. Ação aconteceu na tarde desta quarta-feira (15), na Praça Princesa Isabel, no Centro Histórico. Um homem tentou fugir da abordagem e acabou preso pela polícia.

Ao todo, os agentes realizaram 73 abordagens e entre as principais infrações flagradas estão veículos sem placas ou com placa adulterada, motos com escapamento irregular, pneu careca e veículos sem retrovisor ou lanterna. Além disso, a falta de documentos, como a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), também está nas infrações encontradas pelas equipes. 

Um motociclista, que não teve sua identidade divulgada, foi preso pela PM depois de tentar fugir da abordagem, próximo a Catedral São Pedro de Alcântara. Inspirada nas operações da Lei Seca, a ação conjunta teve início no dia 14 de agosto em Petrópolis e, desde então, já foi realizada duas vezes. Na ocasião, 98 veículos foram abordados na Avenida Barão do Rio Branco. Desses, sete motos e dois carros foram apreendidos.

Essas operações ocorrem também em outros municípios do Estado do Rio de Janeiro, com foco na segurança pública e na regulamentação do trânsito. Nela, os policiais militares realizam a primeira abordagem, solicitando que os motoristas encostem o veículo na lateral da pista. Depois da checagem inicial dos documentos e de uma revista no veículo, os agentes do Detran fazem uma fiscalização mais detalhada, tanto na documentação como nos itens de segurança determinados pela legislação de trânsito.

A parceria foi firmada para atender a duas finalidades: na área de segurança pública, a repressão aos criminosos que circulam pelas vias urbanas utilizando motos e carros, e à identificação de veículos irregulares e motoristas não habilitados.

Frota de motos cresce quase 5% no último ano em Petrópolis

A frota de motocicletas em Petrópolis atingiu 28.554 unidades no último mês de agosto, segundo levantamento do Detran-RJ. O número é 4,88% maior que o verificado entre agosto de 2019 e julho de 2020. Esse aumento pode estar ligado, principalmente, a um maior número de fabricações de motos no período de 12 meses e a retomada do setor.

Por outro lado, a queda do licenciamento em Petrópolis caiu 49,5% entre 2020 e 2021, representando um número baixo de motocicletas que rodam de forma legal na cidade.



Edição anterior (2505):
sexta-feira, 17 de setembro de 2021
Ed. 2505:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2505): sexta-feira, 17 de setembro de 2021

Ed.2505:

Compartilhe:

Voltar: