Edição anterior (1380):
terça-feira, 21 de agosto de 2018
Ed. 1380:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1380): terça-feira, 21 de agosto de 2018

Ed.1380:

Compartilhe:

Voltar:


  Geral

Plano Verão: eixo comunitário promove campanhas de doação, palestras e debates sobre redução do risco de desastre

Governo municipal vai reforçar as ações de prevenção e orientação nas comunidades

Defesa Civil também realiza ações de arrecadação e doação para instituições carentes


 O eixo comunitário do Plano Verão de Petrópolis 2019 promove palestras e debates dentro da programação do II Colóquio de Defesa Civil, além de campanhas para a arrecadação de fraldas e de latas de leite em pó, e a doação de sangue dos agentes. O trabalho de orientação nas comunidades e nas escolas também será reforçado, com ações do programa SOS Chuvas e o Defesa Civil nas Escolas. A prefeitura acredita na política de prevenção aos desastres de origem natural e investe no trabalho antecipado e organizado para reduzir o número de ocorrências no período de fortes chuvas, que vai de novembro até a primeira quinzena de abril.

Como parte das ações do Dia Mundial da Redução de Risco de Desastre - 13 de outubro – o município vai realizar oII Colóquio de Defesa Civil nos dias 9, 10 e 11 de outubro, no auditório da Universidade Estácio de Sá, no Bingen. O evento vai oferecer palestras e debates abertos à população sobre diversos assuntos relacionados à pasta. O congresso acontece em cima de três eixos: comunitário, profissional e cientifico.

“Desde o início da gestão do prefeito Bernardo Rossi, trabalhamos pensando na prevenção aos desastres de origem natural. Essa discussão é fundamental para que tenhamos a Defesa Civil ainda mais preparada. A participação da população, que tem o saber da comunidade, é tão importante quanto a dos professores, que realizam diversos estudos nessa área”, explica o secretário de Defesa Civil e Ações Voluntárias, coronel Paulo Renato Vaz.

O ingresso para o II Colóquio de Defesa Civil será a doação de um pacote de fraldas, para a campanha de arrecadação em homenagem ao Dia das Crianças, comemorado no dia 12 de outubro. No ano passado, a pasta entregou para a Creche Santo Antônio, da Paróquia de Santo Antônio e Santo Agostinho, em Nogueira, 108 pacotes, totalizando 2.412 fraldas infantis.

“Também vamos fazer a arrecadação de latas de leite em pó e a doação de sangue dos agentes. Uma das vertentes mais importantes da Defesa Civil é a ajuda humanitária, e aqui em Petrópolis fazemos esse trabalho no período de normalidade. A ideia é contribuir com a população mais carente da cidade”, disse Paulo Renato.

Além dessas ações, a Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias vai mobilizar os estagiários do programa SOS Chuvas para a entrega de cartilhas que orientam os moradores das áreas de maior risco do município, além de iniciar a primeira política pública de Defesa Civil nas Escolas do país na rede municipal de ensino, como parte do eixo operacional do Plano Verão de Petrópolis.

“Os estagiários participam efetivamente das ações que são realizadas, ou seja, aprendem na prática a teoria vista em sala de aula. Estamos montando um calendário de atuação nas comunidades de maior risco, com foco na orientação dos moradores”, garante o secretário de Defesa Civil.

O trabalho de organização do plano começou cinco meses antes da estação por causa dos números do último verão comparados com 2017: os índices de chuva foram em média 120% mais altos, além da quantidade de ocorrências que subiram 48%.

A partir de setembro, acontecem as reuniões setoriais para a elaboração dos planos de contingência e das matrizes de atividades e responsabilidades, em parceria com órgãos de resposta e de atendimento. O lançamento do Plano Verão de Petrópolis 2019 está marcado para o dia 28 de novembro, na Casa dos Conselhos, na Av. Koeler.



Edição anterior (1380):
terça-feira, 21 de agosto de 2018
Ed. 1380:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1380): terça-feira, 21 de agosto de 2018

Ed.1380:

Compartilhe:

Voltar: