Edição anterior (1642):
sexta-feira, 10 de maio de 2019
Ed. 1642:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1642): sexta-feira, 10 de maio de 2019

Ed.1642:

Compartilhe:

Voltar:


  Diário Comunidades

Buraco na Rua Uruguai é mais um dos problemas da região do Quitandinha

Antônio Dantas – especial para o Diário


 Um buraco na Rua Uruguai, no Quitandinha, dificulta o trânsito de veículos e é um risco à segurança dos motoristas e pedestres. A falha na via já chegou a ser interditada pela Secretaria de Obras há cerca de quinze dias, porém os reparos necessários ainda não foram realizados.

A abertura na via, além de dificultar o trânsito, já está impedindo com que o caminhão de coleta de lixo passe pelo local e alguns moradores estão sem o serviço. Marcio de Freitas, morador do local, informou que o buraco surgiu há cerca de um mês atrás, e que o órgão responsável havia prometido uma solução rápida, o que acabou não acontecendo. Além disso, o morador contou as dificuldades e os riscos que a abertura no asfalto tem gerado e disse que cada dia que passa, a situação piora.

-Eu acho um descaso da Prefeitura. Um buraco que está aqui há um mês já e está cada vez maior. Há uns quinze dias, o buraco foi interditado e foi dito que no dia seguinte, os reparos iriam se iniciar. Um dia um pedestre quase caiu no buraco, outro dia eu esbarrei com o carro no meio-fio, pois está apertado para poder passar. O caminhão de coleta de lixo já não está conseguindo passar – informou Marcio.

Além da questão do buraco, alguns trechos da região ainda sofrem com a falta de capina e de iluminação pública, como é o caso da estrada que liga a Rua Colômbia ao Hotel Quitandinha. O mesmo morador disse que a capina não é realizada na estrada e que, combinada com a falta de iluminação, o local acaba se tornando perigoso.

-A capina aqui nessa estradinha não é realizada. Há cerca de um mês, a Comdep veio próximo ao local e realizou a capina apenas na via principal. Aqui acaba ficando muito escuro e perigoso. Acho que isso aumenta o risco de crimes. Há algum tempo, durante a noite tentaram agarrar a força uma menina aqui. Quando a gente passa por ali, não pode relaxar – informou Marcio.

Apesar das diversas reclamações por parte dos moradores, até agora nenhuma providência foi tomada. O Diário já produziu diversas matérias a respeito da falta de manutenção no bairro do Quitandinha, onde algumas questões foram resolvidas, porém ainda há muito a ser feito.

A prefeitura foi questionada a respeito dos problemas citados, porém, até o fechamento desta edição, não respondeu.

 

 



Edição anterior (1642):
sexta-feira, 10 de maio de 2019
Ed. 1642:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1642): sexta-feira, 10 de maio de 2019

Ed.1642:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior