Edição anterior (1485):
terça-feira, 04 de dezembro de 2018
Ed. 1485:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1485): terça-feira, 04 de dezembro de 2018

Ed.1485:

Compartilhe:

Voltar:


  Geral

Recadastramento dos usuários dos auxílios emergência e aluguel começa nesta terça-feira 

Atualização dos dados será feita até o dia 18 de dezembro, após esse prazo, benefício pode ser suspenso

Começa nesta terça-feira (04) o recadastramento dos beneficiários dos programas Auxílio Emergência e Auxílio Aluguel, concedidos pelo governo municipal, através da Secretaria de Assistência Social. A convocação para que os usuários do serviço compareçam à unidade, localizada na Av. Barão do Rio Branco, nº 2.846, vai até o dia 18 de dezembro. O horário de atendimento é de 9h às 16h. Quem não efetuar a atualização dos dados, pode ter o recebimento da renda suspenso.

A atualização dos dados, para o Auxílio Moradia, a apresentação dos documentos de identificação, Identidade e CPF. Para o Aluguel Social, é preciso que o usuário compareça munido também com o comprovante de residência e contrato de locação do imóvel.

            O programa Auxílio Emergência é concedido para cerca de 50 pessoas, que perderam suas casas durante os desastres das chuvas, mas conseguiram se instalar em casa de familiares. É concedida uma ajuda de R$ 100 para essas pessoas. O Auxílio Aluguel, destina R$ 500 para as pessoas que perderam suas casas e não tiveram para onde ir, passando a ter que recorrer a uma casa alugada. “O município oferece esse auxílio às famílias que em breve serão destinadas a uma unidade do programa de habitação do município”, destaca o prefeito Bernardo Rossi.

            Atualmente 400 pessoas recebem, pelo município, o Auxílio Aluguel, no valor de R$ 500. A Secretaria de Assistência Social trabalha para que os usuários, de ambos os benefícios, sejam incluídos no programa de habitação do município. A cidade conta com empreendimentos do Minha Casa Minha Vida, no Vicenzo Rivetti e na Posse. “É muito importante que essas pessoas compareçam para efetuar a atualização dos dados para que continuem recebendo os benefícios, até que consigamos direcioná-las para algum dos empreendimentos do Minha Casa Minha Vida, que estão para ser entregues no município”, destaca a Secretária de Assistência Social, Denise Quintella.

            A secretária de Assistência Social, reforça que esse cadastramento é voltado para as pessoas que recebem o auxílio de aluguel do município. Os 720 beneficiários do programa Aluguel Social, concedido pelo governo do Estado, já efetuaram a atualização dos dados e a próxima convocação para recadastramento está prevista para ocorrer até fevereiro de 2019.



Edição anterior (1485):
terça-feira, 04 de dezembro de 2018
Ed. 1485:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1485): terça-feira, 04 de dezembro de 2018

Ed.1485:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior