Edição anterior (2021):
sábado, 23 de maio de 2020
Ed. 2021:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2021): sábado, 23 de maio de 2020

Ed.2021:

Compartilhe:

Voltar:


  Covid-19

Volta Redonda fecha comércio novamente por aumento de casos de covid-19

 

O comércio de Volta Redonda voltou a fechar na última quinta-feira, dia 21, devido ao aumento no número de casos suspeitos da covid-19. Os estabelecimentos ficarão fechados por sete dias, segundo o prefeito Samuca Silva, que anunciou a medida durante uma transmissão ao vivo, nas redes sociais. A abertura havia sido autorizada no dia 4 de maio.

O monitoramento do avanço do vírus, que é uma condição para que atividades econômicas fiquem abertas, passou dos limites estabelecidos entre o Ministério Público do Rio de  Janeiro (MPRJ) e a prefeitura de Volta Redonda.

Dessa forma, o número de casos suspeitos da doença ultrapassou a meta de 5% por dois dias seguidos. Na última quarta-feira, dia 20, a meta foi ultrapassada apresentando aumento em 7,60%, no número de casos notificados na Secretaria Municipal de Saúde.

O prefeito Samuca Silva informou que 139 pessoas procuraram atendimento nas últimas 24 horas nos polos de atendimento para a covid-19 no município com suspeita da doença. Mais 20 casos foram confirmados, chegando ao total de 734 infectados.  Destes, 619 estão recuperados após passarem pelos 14 dias no isolamento domiciliar sem apresentar piora no quadro de sintomas.

Samuca ressaltou que, no momento, há 15% dos leitos de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) ocupados em Volta Redonda, o Hospital de Campanha, montado no Estádio Raulino de Oliveira, apresenta 6% de ocupação. De acordo com o prefeito, dos pacientes internados com suspeita ou confirmação da doença no município 19% estão na rede particular e 21% na rede pública municipal.

Entre as novas medidas adotadas de contenção ao novo coronavírus estão a proibição de aglomerações na Avenida Beira Rio e nos campos esportivos do Aero Clube, sendo assim, a população não pode praticar nenhuma atividade física ou esportivas nesses locais, a partir desta quinta-feira, dia 21.

Quem desrespeitar a regra poderá ser multado em R$ 500,00, o mesmo valor, para quem deixar de utilizar máscaras faciais de proteção ao novo coronavírus, sendo que o uso do equipamento é obrigatório em Volta Redonda, através de um decreto municipal assinado há aproximadamente duas semanas.

 



Edição anterior (2021):
sábado, 23 de maio de 2020
Ed. 2021:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2021): sábado, 23 de maio de 2020

Ed.2021:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior