Edição anterior (2021):
sábado, 23 de maio de 2020
Ed. 2021:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2021): sábado, 23 de maio de 2020

Ed.2021:

Compartilhe:

Voltar:


  ENEM

Adiamento do Enem agrada estudantes

Ensino a distância se tornou o maior vilão do vestibular  

Camila Caetano – especial para o Diário

A atual pandemia e as incertezas sobre o futuro que ela traz consigo é uma questão que vem assombrando muitas pessoas, como por exemplo, os estudantes da rede pública de ensino. O grupo que estava habituado às aulas presenciais, teve que se adequar da noite para o dia, às plataformas online – método em que apresentaram bastantes dificuldades fazendo com que o temor ao Enem ficasse ainda maior.

Visto que os alunos da rede pública seriam os mais desfavorecidos no Exame Nacional do Ensino Médio, uma série de campanhas aconteceram na internet para que a data do mesmo fosse modificada. E com 75 votos a favor, na manhã desta última terça-feira o Senado Federal aprovou o adiamento do Enem. A prova que anteriormente seria realizada nos dias 1° e 8 de novembro, agora será remarcada de 30 a 60 dias após a data prevista.

Em nota, o Instituto Nacional Pesquisa e Estudos Educacionais se manifestou dizendo “Atentos às demandas da sociedade e às manifestações do Poder Legislativo em função do impacto da pandemia do coronavírus no Enem 2020, o Inep e o Ministério da Educação decidiram pelo adiamento da aplicação do exame nas versões impressa e digital. As datas serão adiadas de 30 a 60 dias em relação ao que foi previsto nos editais. Para tanto, o Inep promoverá uma enquete direcionada aos inscritos do Enem 2020, a ser realizada em junho, por meio da Página do Participante”.

Mediante aos fatos, o Diário conversou com alguns alunos do Colégio Estadual Dom Pedro ll para saber o que acharam da medida, e foi possível constatar que a resolução agradou aos mesmos.

A estudante Milena Caffer foi a primeira a opinar sobre questão, ela diz:- tendo consciência da questão da grande desigualdade social que habita no país acho que o adiamento foi uma medida extremamente necessária, pois traz esperança principalmente para os alunos de escolas públicas, que em sua maioria, usam das aulas presenciais como única forma de preparo para o Enem. O que não acho correto é a questão do cancelamento, pois também tem muita gente que está se preparando para isso há muito tempo – destacou a estudante.

A aluna Dayana Silva também pontuou sobre o assunto. Ela disse que gostou da medida, no entanto, as novas datas têm que ser bem planejadas para que não haja problemas entre o vestibular, e o início do ano letivo.

- Gostei da medida. Sempre fui a favor do adiamento, pois não são todas as pessoas que têm acesso aos recursos necessários para estudar online. Mas tem que ser tudo muito bem planejado para que dê tempo dos alunos prestarem o vestibular, sem ter muitos atrasos no começo do ano letivo – ressaltou Dayana.

Por último, a aluna Maria Clara Dampke relata que o adiamento foi uma ótima medida para que alguns impactos que a pandemia causou no ambiente educacional fossem reduzidos.

- Eu achei o adiamento muito importante, pois eu tenho internet em casa e consegui ter acesso aos conteúdos, mas sei que existem pessoas que infelizmente não têm as mesmas condições e privilégios que eu. O adiamento foi uma ótima medida para que alguns impactos negativos da pandemia fossem reduzidos – contou Maria Clara.

Vale ressaltar, que o prazo de inscrição para o Exame se encerra às 23h59 desta sexta-feira, 22 de maio.

 



Edição anterior (2021):
sábado, 23 de maio de 2020
Ed. 2021:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2021): sábado, 23 de maio de 2020

Ed.2021:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior