Edição anterior (1708):
segunda-feira, 15 de julho de 2019
Ed. 1708:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1708): segunda-feira, 15 de julho de 2019

Ed.1708:

Compartilhe:

Voltar:


  Cidade

Advogado de Petrópolis é nomeado para Comissão Nacional da OAB

Hélio Moura Filho faz parte da Comissão de Segurança Pública da Ordem

João Vítor Brum, especial para o Diário

 

Hélio Moura Filho (E), Marcelo Schaefer

Segurança pública tem sido um dos assuntos mais em voga, em âmbito municipal, estadual e nacional. No Rio de Janeiro, um dos estados que mais sofrem com a sensação de insegurança, é importante que a temática seja debatida e que formas de controlar a criminalidade sejam implantadas. A Ordem dos Advogados do Brasil, em sua subseção em Petrópolis, tem marcado presença nos debates na cidade e no estado. O presidente da Comissão de Segurança Pública da instituição no município, o advogado e ex-policial Hélio Moura Filho, foi, recentemente, nomeado como membro da Comissão Nacional de Segurança Pública da OAB nacional.

Hélio, nascido em Niterói, mora em Petrópolis há 45 anos e se formou em Direito há quatro décadas. Ele é cientista político, especialista em segurança pública e, ao longo de sua vida, trabalhou como policial civil e fez parte de casos de repercussão nacional.

Em Petrópolis, ele já foi secretário de Segurança Pública e implantou mudanças muito importantes na Guarda Civil, como a compra de novos carros, uniformes, entre outros. Além disso, está à frente da Comissão de Segurança Pública da OAB na cidade.

- A segurança é como o oxigênio: você só se importa com ela quando começa a perdê-la. Segurança é um elemento indispensável para o bem comum, e é obrigação do Estado garantir a manutenção da ordem pública, pois se trata de um bem fundamental. Os principais inimigos da segurança pública são: pobreza, terrorismo, corrupção, tráfico de armas, de drogas e de pessoas, desastres naturais, entre outros - destacou Hélio.

As comissões da Ordem buscam melhorias na qualidade de vida da população, participando do que for relativo aos assuntos tratados por cada comissão. Elas são criadas dentro da subseção e, em Petrópolis, há entre 40 e 45 comissões, que abordam temas como Meio Ambiente, pessoas com deficiência, defesa dos animais, entre outros.

- Tratamos de assuntos importantes para o coletivo, de situações do cotidiano. As comissões na área social funcionam como um braço da OAB junto à sociedade, e é muito importante a integração com o poder público, sem cunho político. O legado deixado pelas ações é mais importante - disse Marcelo Schaefer, presidente da subseção da OAB em Petrópolis.

A Comissão de Segurança Pública da subseção vem trabalhando em conjunto com as forças de segurança da cidade e do estado, visando trazer melhorias em todos os âmbitos. A instituição está presente nas reuniões dos Conselhos Estadual e Municipal de Segurança e do Conselho Municipal de Trânsito.

Uma das demandas da OAB foi a implantação de uma delegacia da Polícia Federal na cidade. Atualmente, há um núcleo da PF no Quitandinha, subordinado à Delegacia de Nova Iguaçu, que, em 2017, voltou a fazer o serviço de emissão e renovação de passaportes.

- O trabalho que vem sendo realizado no núcleo da PF aqui em Petrópolis é excelente, com um atendimento e equipe muito bons. Caso seja implantada uma delegacia na cidade, todos serão beneficiados - salientou Hélio.

Para Schaefer, além de ajudar na resolução de casos, a sede da Polícia Federal também traz mais segurança à cidade.

- Em Petrópolis, temos a BR-040, uma importante ligação do Rio com outros estados, o que exige uma atenção maior. Além disso, a atuação dos advogados será otimizada com a proximidade maior. Pensando nisso tudo, protocolamos um ofício solicitando a implantação - frisou o presidente da OAB Petrópolis.

OAB investe em cuidados na saúde dos advogados

A advocacia é uma profissão de alto estresse, já que consiste na resolução de problemas de terceiros. Por isso, a OAB investe em atividades voltadas à saúde do profissional. Os recursos utilizados nas ações são da Caixa de Assistência dos Advogados do Estado do Rio de Janeiro (CAARJ), que realiza a chamada blitz da saúde. Atividades como shiatsu, testes de pressão e glicose, vacinação, serviços de saúde bucal, entre outros, são oferecidas de forma gratuita aos advogados.

- A preocupação com os profissionais é essencial. Por isso, é importante destacar o grande apoio do presidente da CAARJ, Ricardo Menezes, e do presidente da Secional, Luciano Bandeira, pois a integração entre todos é essencial - destacou Hélio.

- Também precisamos destacar o trabalho do presidente nacional da Ordem, Felipe Santa Cruz, que tem promovido um trabalho magnífico em prol da sociedade e em defesa da cidadania, do estado democrático de direito e da Constituição - completou.

- Duas vezes por ano, as subseções do Estado se reúnem para trocar experiências em todos os âmbitos, o que ajuda a todos. O próximo encontro será em setembro e irá beneficiar todos os envolvidos - salientou Marcelo Schaefer.

A OAB possui 1.221.444 advogados inscritos, sendo 153.072 apenas no Rio de Janeiro. No estado, a maioria dos membros são do sexo feminino, representando 77.782 inscritos, contra 75.290 homens.



Edição anterior (1708):
segunda-feira, 15 de julho de 2019
Ed. 1708:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1708): segunda-feira, 15 de julho de 2019

Ed.1708:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior