Edição anterior (1737):
terça-feira, 13 de agosto de 2019
Ed. 1737:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1737): terça-feira, 13 de agosto de 2019

Ed.1737:

Compartilhe:

Voltar:


  Cidade

Alunos da Faetec Petrópolis conquistam 1º lugar da Etapa Regional da Olimpíada Brasileira de Robótica

 

 

A equipe SIR Breguete, formada pelos alunos Lucas da Silva Muniz, Bianca Domingos Guarizi e Christian das Neves Moreira, do último ano do Ensino Médio Técnico em Tecnologia da Informação, do Centro Profissional em Tecnologia da Informação (CPTI), unidade da Faetec Petrópolis, ganhou a medalha de ouro na Etapa Regional da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR), realizada no último sábado, dia 3 de agosto, em Teresópolis, na Região Metropolitana do Rio. Os estudantes agora seguem na disputa na modalidade prática, quando o robô vai concorrer na Etapa Estadual da Olimpíada, no dia 22 de setembro, em Petrópolis.

 

O projeto, incluindo construção e programação do robô, foi desenvolvido pelos alunos no Laboratório de Sistemas Inteligentes e Robótica (SirLab), da Faeterj Petrópolis, sob a orientação do professor Alberto Angonese. A máquina SIR Breguete funcionou de forma autônoma na competição e superou uma série de desafios propostos pela organização do evento, como desvio de obstáculos, suplantação de detritos e resgate de vítimas. 

A Faetec Petrópolis foi a única instituição pública que estava competindo na etapa regional em Teresópolis. Segundo o professor Alberto Angonese, a conquista do primeiro lugar mostra todo o potencial dos alunos da unidade.  “Essa medalha é uma grande motivação para os nossos alunos, pois mostra o desempenho e a superação deles para os desafios acadêmicos, além de representarmos efetivamente a qualidade que o Ensino Médio Técnico público possui”, destacou Angonese, que leciona na Rede Faetec há 15 anos.

O curso Técnico em Tecnologia da Informação tem duração de um ano e meio e possui um projeto de integração entre os alunos de nível superior com os alunos do Ensino Médio Técnico da instituição. A proposta é de ofertar oficinas em robótica com o foco principal na preparação para a OBR.

Para a estudante Bianca Domingos Guarizi, de 18 anos, moradora de Petrópolis, a participação da OBR foi muito comemorada pela equipe. “Foi o nosso primeiro contato com a Olimpíada. Foi incrível participar, pois tivemos a oportunidade de conhecer outras equipes. A gente conversou sobre robótica e conseguimos ter outras perspectivas e ideias sobre o nosso robô. Eu fiquei na parte de programação. Pensar como o robô vai ficar é fácil, mas colocar isso em código é bem complicado. É muito bom escrever o código e depois ver o robô fazendo o que nós programamos”, comemorou a aluna.

O presidente da Faetec, Romulo Massacesi, comemorou a qualificação dos alunos na Olimpíada. “Estamos muito felizes por termos alunos participando de várias competições no Estado e no país. Eles estão colocando em prática tudo que aprenderam em sala de aula. Temos a certeza de que estamos contribuindo na formação de qualidade desses futuros profissionais”. 

A boa atuação na unidade da Faeterj Petrópolis não é novidade na competição. Em 2014, os alunos obtiveram o primeiro lugar na etapa estadual da OBR, além do título de vice-campeão latino-americano de robótica, entregue ao Centro de Educação Profissional de Petrópolis. E em segundo lugar na categoria RoboCup Simulation 2D e em quarto lugar na categoria IEEE Very Small Size Soccer na Latin American Robotics Competition. Já em 2016, os alunos do Ensino Médio foram campeões da OBR Regional e Estadual. O Laboratório de Sistemas Inteligentes e Robótica da unidade já se tornou referência no segmento. “Estamos sempre fazendo a diferença, uma vez que somos protagonistas no Estado na área de robótica e automação”, festejou o secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Leonardo Rodrigues.

OBR

A Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR) é uma das olimpíadas científicas apoiadas pelo Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico (CNPQ) e o Ministério da Educação, em parceria com a Fundação Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE/MEC), que tem como objetivo principal identificar novos talentos e estimular jovens estudantes do Ensino Fundamental, Médio ou Técnico a seguirem carreiras científico-tecnológicas. É uma iniciativa gratuita e sem fins lucrativos. Na modalidade prática da OBR foram mais de 5 mil equipes inscritas neste ano. A grande final da modalidade prática será a Etapa Nacional, entre os dias 22 a 26 de outubro de 2019, no Rio Grande do Sul.

Faetec Ferreira Viana na OBR

Os alunos dos cursos de Telecomunicações, Eletrônica, Edificações e Mecânica da Faetec Ferreira Viana, no Rio de Janeiro, vão participar no dia 31 de agosto (sábado), da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR). Durante todo o dia, as três equipes com 10 alunos competidores, participarão da etapa regional na modalidade prática da OBR, na Universidade Veiga de Almeida (UVA), na Tijuca, Zona Norte do Rio.



Edição anterior (1737):
terça-feira, 13 de agosto de 2019
Ed. 1737:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1737): terça-feira, 13 de agosto de 2019

Ed.1737:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior