Edição anterior (1521):
quarta-feira, 09 de janeiro de 2019
Ed. 1521:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1521): quarta-feira, 09 de janeiro de 2019

Ed.1521:

Compartilhe:

Voltar:


  Polícia

Comerciante é agredido e assaltado na Mosela

Onda de assaltos tem causado preocupação aos petropolitanos: em menos de uma semana, sete casos foram registrados

Uma onda de assaltos está preocupando os petropolitanos. Em menos de uma semana, sete roubos foram comunicados à polícia. Em um dos últimos casos, um comerciante de 50 anos foi violentamente agredido por homens armados, em seu comércio na Mosela. Imagens de câmeras de segurança serão analisadas para tentar identificar os suspeitos. Um deles estava encapuzado.

O roubo aconteceu na noite de segunda-feira, na altura do número 1.069 da Rua Mosela. A vítima estava sozinha no local, por volta das 21h20, quando dois bandidos entraram. Ambos estavam armados. Os dois utilizavam pistolas para intimidar o comerciante.

Um dos ladrões pulou o balcão mandando a vítima deitar no chão e, apesar de não ter tentado reagir ao assalto, o homem foi agredido com coronhadas e pisões na cabeça. Durante a ação, o comerciante conseguiu perceber que havia mais dois homens em uma moto na porta do comércio, dando cobertura. Foram levados cerca de R$ 800 em dinheiro.

No mesmo dia, na Estrada União e Indústria, na altura de Corrêas, um homem de 25 anos também foi vítima de marginais e teve a moto modelo Fazer – Y5 250, preta, levada por um homem armado. O bandido seria negro e vestia uma camisa branca. O assalto aconteceu por volta das 21h30 e as suspeitas são de que o mesmo bandido tenha participado do ataque ao comércio da Mosela.

A vítima relatou aos policiais que o ladrão exigiu que  desembarcasse da moto e, antes da fuga, avisou que abandonaria o veículo no bairro Duarte da Silveira. Buscas foram feitas no local indicado, mas o veículo não foi encontrado.

Na semana passada, em uma pizzaria da Estrada Mineira, também em Corrêas, bandidos levaram a moto do dono do estabelecimento e, como nesse caso, afirmaram que abandonariam o veículo no Duarte da Silveira.

As ocorrências estão sendo investigadas na 105ª DP (Retiro) e além desses casos, nos últimos dias também ocorreram assaltos em uma padaria da Mosela, onde um funcionário foi agredido com tapas no rosto por um dos ladrões. A maioria das ocorrências, no entanto, aconteceram na região de Corrêas, Estrada Mineira e Estrada da Saudade. A hipótese de estarem sendo cometidos pela mesma quadrilha não está descartada.

Número de roubos ao comércio preocupa

De acordo com dados do Instituto de Segurança Pública (ISP), houve um aumento de 26% no número de assaltos a estabelecimentos comerciais entre janeiro e novembro de 2018, na comparação com o mesmo período de 2017. No acumulado de onze meses do ano passado, foram 38 casos. Já no mesmo período de 2017, foram registradas 30 ocorrências nas delegacias policiais da cidade.

Novembro, último mês com os dados do ISP disponíveis, foi o período com o maior número de casos deste crime no ano - foram nove casos. Foi o segundo mês de alta: em outubro, houve quatro ocorrências; e em setembro, apenas uma.

 



Edição anterior (1521):
quarta-feira, 09 de janeiro de 2019
Ed. 1521:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1521): quarta-feira, 09 de janeiro de 2019

Ed.1521:

Compartilhe:

Voltar:







Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior