Edição anterior (1584):
quarta-feira, 13 de março de 2019
Ed. 1584:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1584): quarta-feira, 13 de março de 2019

Ed.1584:

Compartilhe:

Voltar:


  Segurança

Comsep planeja Conferência Municipal de Segurança para o segundo semestre

O Conselho Municipal de Segurança Pública está começando a planejar a realização de uma Conferência Municipal de Segurança. A intenção é realizar o evento no segundo semestre deste ano e discutir propostas para a área no município. O assunto foi abordado pelo presidente do Comsep, Jeferson Calomeni, na reunião ordinária do conselho na noite de segunda-feira (11.03).

A Conferência será um momento para ampliar o debate sobre a segurança pública em Petrópolis, unindo poder público e sociedade civil para sugerir e avaliar medidas que podem contribuir para o trabalho de Guarda Civil, Polícia Militar e delegacias da cidade e, assim, melhorar ainda mais a área.

“Petrópolis é a cidade mais segura do Estado, mas ainda assim todos devem trabalhar para melhorar ainda mais a segurança do município. No Comsep, são levantados diversos temas a cada reunião. Porém, em uma Conferência, o debate sobre esses assuntos vai poder ser ainda mais ampliado e teremos a chance de discutir os caminhos que devemos seguir”, destaca o prefeito Bernardo Rossi.

No ano passado, o Atlas da Violência, um estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e do Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), apontou que Petrópolis tem o menor índice de homicídios entre as média e grandes cidades do Rio de Janeiro: 10,7 a cada 100 mil habitantes. No país, a cidade ficou na 28ª posição.

Ainda assim, o município investiu para melhorar ainda mais o índice. A prefeitura inaugurou, em junho de 2018, o Centro Integrado de Operações de Petrópolis (Ciop), um sistema de monitoramento com 56 câmeras espalhadas em 46 locais em todos os distritos. Desde então, as imagens já ajudaram na prisão de responsáveis por assaltos na cidade, recuperação de automóvel furtado, desvendar casos de estelionato, prender o acusado de atirar em um ônibus e a investigar uma quadrilha responsável por golpes de “saidinha de banco”.

Esta será a primeira Conferência organizada desde que o comandante da Guarda assumiu a presidência do Comsep, em maio do ano passado.

“De lá para cá, a gente vem colocando diversos temas importantes em pauta para discussão: a criação do Fundo Municipal de Segurança, que vai permitir a captação de verbas federais para os projetos nessa área, ampliação da central de videomonitoamento, o trabalho do Choque de Ordem, a necessidade de aumento do efetivo da Guarda, capacitação dos agentes. Certamente esses assuntos poderão ser ainda mais debatidos e outros podem ser levantados numa conferência”, afirma Calomeni.

Também na segunda-feira, foi realizada a reunião do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM).



Edição anterior (1584):
quarta-feira, 13 de março de 2019
Ed. 1584:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1584): quarta-feira, 13 de março de 2019

Ed.1584:

Compartilhe:

Voltar:







Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior