Edição anterior (1844):
quinta-feira, 28 de novembro de 2019
Ed. 1844:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1844): quinta-feira, 28 de novembro de 2019

Ed.1844:

Compartilhe:

Voltar:


  Cidade

CPTrans começa instalações de bicicletários no Centro Histórico

A ação faz parte da implementação da Ciclo Rota no município

 

A Companhia Petropolitana de Trânsito (CPTrans) iniciou as instalações dos bicicletários na cidade. Os primeiros locais contemplados foram a Rua Professor Pinto Ferreira, no Centro, e na Rua do Imperador, próximo ao Obelisco. Nesta primeira fase, serão instalados bicicletários também na Praça da Liberdade e no Terminal Centro. A ação faz parte do projeto da Ciclo Rotas, que tem a finalidade de definir espaços nas vias com a demarcação de área específica e compartilhada com veículos, que garantirão a passagem dos ciclistas em segurança.

A implementação da Ciclo Rota faz parte do Plano de Mobilidade Urbana, elaborado pela CPTrans, com o objetivo de apresentar projetos que auxiliem na melhoria do trânsito na cidade. Os espaços começarão a ser demarcados no primeiro semestre do ano que vem. As áreas que terão a implementação da Rota Ciclística nesta primeira fase incluem as ruas do Imperador (nos dois sentidos); da Imperatriz (nos dois sentidos); e Raul de Leoni; além da parte final da Avenida Ipiranga; Av. Koeler (nos dois sentidos); Praça Rui Barbosa; Avenida Tiradentes e Rua Nelson de Sá Earp.

"As Ciclo Rotas são opções viáveis, onde estimulamos um novo modal e conseguimos dar mais opções de transportes à nossa população. Estamos investindo em buscar alternativas para o transporte dos petropolitanos. A frota da cidade é mais de 170 mil automóveis, acreditamos que a implementação do projeto da Ciclo Rotas possa ser mais uma opção para a população", destaca o diretor-presidente da CPTrans, Jairo Cunha.

As ruas receberão sinalizações verticais e horizontais e demarcações específicas, tanto das áreas compartilhadas com os carros, quanto em locais de travessia. A demarcações acontecem de acordo com as vias, que serão compartilhadas com carros, sendo a prioridade do ciclista. A segunda fase do projeto já está sendo elaborada pela equipe.

Estudos realizados durante a elaboração do Plano de Mobilidade Urbana, em 2018, apresentou que cerca de 10 mil pessoas fazem uso de bicicletas na cidade, sendo que 240 a utilizam como principal meio de locomoção. Esse meio de transporte apresenta, entre outras vantagens, baixo custo para o usuário, maior autonomia e melhor mobilidade, além de ter menor impacto no trânsito e para o meio ambiente.

O projeto foi apresentado em setembro durante a programação da Semana Nacional de Trânsito, no evento Petrópolis Bike Day.



Edição anterior (1844):
quinta-feira, 28 de novembro de 2019
Ed. 1844:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1844): quinta-feira, 28 de novembro de 2019

Ed.1844:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior