Edição anterior (1667):
terça-feira, 04 de junho de 2019
Ed. 1667:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1667): terça-feira, 04 de junho de 2019

Ed.1667:

Compartilhe:

Voltar:


  Bauernfest

CPTrans fecha a Alfredo Pachá nesta terça-feira e inverte a mão da Padre Siqueira

 

 

           As mudanças de trânsito programadas para a Bauernfest começam já nesta terça-feira (04.06) com a interdição da Alfredo Pachá, rua em frente ao Palácio de Cristal – principal palco da festa. A partir das 9h, a via será bloqueada e a Avenida Padre Siqueira terá a mão invertida no sentido Roberto Silveira. Ao longo do dia, será feita toda a transição da operação, garantindo melhor mobilidade com a alteração viária planejada para a festa.

A liberação da rua acontece após a desmontagem da Bauern, que este ano acontece de 14 a 30 de junho (com exceção do dia 20, feriado de Corpus Christ). O fechamento da Alfredo Pachá e a inversão da Padre Siqueira muda o trajeto, principalmente, de quem segue dos distritos e tem como destino a área da Mosela e do Bingen, por exemplo. Essas mudanças foram feitas em 2018 e 2017 com bons resultados para o trânsito no entorno do evento.

“Nesta terça-feira faremos a mudança ao longo do dia, orientando os veículos que estiverem estacionados na Padre Siqueira. Até o fim da festa a mudança permanece, com possibilidades de interdição no período da Bauern da própria Padre Siqueira, caso constatemos o acumulo de veículos no sentido bairro. A intenção é manter o trânsito girando”, explica o diretor técnico e operacional da CPTrans, Luciano Moreira.

Já a partir do dia 14, com o início da Bauern haverá o fechamento das ruas Walter Bretz, na Piabanha, a Domingos de Souza Bastos, na 13 de Maio, a Almirante Tamandaré na Rua D. Pedro, a Machado de Assis na Monsenhor Bacelar e também a José Bonifácio – todas elas liberadas apenas para moradores.

As alterações incluem a colocação de mão única em um trecho de 200 metros da Montecaseros, entre o Colégio Santa Catarina e o Gehren – os veículos só poderão seguir no sentido bairro nesse trecho. Há, também, possibilidade de fechamentos intermitentes do acesso ao Bingen pela 13 de Maio.

Vias alternativas são opção para quem não tem a festa como destino

            Com o número elevado de pessoas na cidade nos dias do evento, a CPTrans também está orientando quem não tem a Festa do Colono Alemão como destino. Há recomendação de utilização de rotas alternativas, diminuindo o impacto sobre as ruas do Centro Histórico, aumentando a fluidez para quem não tiver a festa como objetivo e melhorando a mobilidade no trânsito.Todas as alterações viárias já foram passadas ao aplicativo de celular Waze, que poderá ser um grande aliado dos motoristas petropolitanos ou turistas para os dias da festa. O App está disponível em todas as plataformas na loja on-line de cada sistema operacional.

            Uma dessas alternativas se dá no trecho entre Itaipava e o Bingen, que além da BR-040, tem a opção de passagem subindo o Quarteirão Brasileiro, saindo na Mosela. A opção se dá também para quem precisa fazer o caminho contrário. Alternativa entre o Bingen e o Quitandinha, evitando o Centro, é a passagem pelo Vila Militar, chegando no Valparaíso. As ruas Duque de Caxias e 29 de Junho, no Vila Militar, ficarão abertas até a meia-noite.  Outra opção de passagem para o Valparaíso é a utilização da Comunidade Oswaldo Cruz – que dá acesso ao Cemitério Municipal. Entre o Itamarati e o Quitandinha, a rota alternativa é o Alto da Serra, pela Rua Santos Dumont.



Edição anterior (1667):
terça-feira, 04 de junho de 2019
Ed. 1667:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1667): terça-feira, 04 de junho de 2019

Ed.1667:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior