Edição anterior (1472):
quarta-feira, 21 de novembro de 2018
Ed. 1472:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1472): quarta-feira, 21 de novembro de 2018

Ed.1472:

Compartilhe:

Voltar:


  Eleições

Eleições na OAB: Luciano Bandeira fala em continuidade

Candidato à Seccional é apoiado pelo atual presidente, Felipe Santa Cruz, que disputa o Conselho Nacional da entidade


 O advogado Luciano Bandeira, de 48 anos, é o candidato do atual presidente da OAB/RJ, Felipe Santa Cruz, à sua sucessão, nas eleições do próximo dia 21 de novembro, pela Chapa 1. Santa Cruz é candidato ao Conselho Federal da OAB. Ao Diário de Petrópolis, Bandeira falou de suas propostas.

Por que o senhor quer ser presidente da OAB/RJ?

Sou advogado há 24 anos. Mais da metade da minha vida foi nos corredores de fóruns e tribunais. Criei e presidi a subseção da Barra da Tijuca, fui diretor, tesoureiro, diretor executivo e conheço de perto cada um das 63 subseções e 237 salas da OAB no Estado. Não vejo alguém que conheça tão de perto os problemas da advocacia e que já tenha experiência suficiente para continuar o trabalho de uma gestão que mudou a cara da advocacia no Rio de Janeiro. Entendo que o papel da OAB ainda mais neste momento de grave crise econômica do nosso Estado, é estar cada vez mais ao lado dos colegas, garantindo a todos a possibilidade de exercer a sua profissão e levar o seu sustento para casa.

 

Que mudanças foram estas?

Os advogados sabem. Há dez anos, tinha subseção sem fita para máquina de escrever em salas completamente abandonadas. Criamos o Projeto OAB Século 21, que virou modelo e será estendido para todo país. Hoje, em todas as nossas sedes o advogado encontra um computador adequado, com internet, com central de digitalização, funcionários atenciosos, e com condições dignas para o exercício da profissão.

Em junho, inauguramos na capital o maior equipamento já entregue à advocacia em todo o país. São 1.800 metros quadrados ao lado do Fórum com 33 escritórios compartilhados, mais de 100 computadores, auditório para cursos e capacitação profissional, wi-fi gratuito.

Remodelamos 142 salas nos fóruns. Além disso, 33 subseções ganharam novas sedes. Somente em 2018, a advocacia pôde contar com 505 novos computadores – o número de máquinas instaladas pela gestão chega a 2.122.

A rede de transporte exclusivo para a advocacia foi ampliada. Hoje, além das três linhas da capital, 19 subseções contam com o serviço. Nova Friburgo, Maricá, Queimados, Nova Iguaçu, Caxias, Petrópolis, Barra Mansa, Volta Redonda, Barra do Piraí, Campos, Teresópolis, Três Rios, Macaé, Niterói, São João de Meriti, Pavuna, São Gonçalo, Cachoeiras de Macacu e Itaboraí.

E quais as propostas para a próxima gestão?

Vamos continuar ampliando estes serviços. Criaremos um Banco de Oportunidades com grandes empresas e escritórios de advocacia, para aproximar a classes da vagas num grande escritório ou num departamento jurídico de uma grande empresa, por exemplo. Ampliaremos a capacidade de capacitação da advocacia através da nossa Escola Superior, com ensino também à distância. Vamos aumentar a rede de convênios, com descontos exclusivos em produtos e serviços para a classe e a garantia de consultas médicas a valores inferiores aos praticados no mercado. E criaremos Programa Anuidade Zero, um sistema de fidelização em que os colegas acumulam pontos ao comprar na rede conveniada, obtendo descontos na anuidade.

O sr.teve atuação destacada à frente da Comissão de Prerrogativas, como por exemplo na defesa da advogada Valéria dos Santos, algemada dentro do Fórum de Duque de Caxias. Dará prosseguimento a este trabalho?

Claro. Faremos tudo isso o que citei acima, como já fizemos muito mais nestes últimos anos, sem deixar de ter como norte dois pontos fundamentais já nos próximos meses: um é revogação da Súmula 75 do Tribunal de Justiça, que dispõe sobre o ‘mero aborrecimento’, trazendo dignidade para quem trabalha na área consumerista.

O outro é a luta pela aprovação da lei federal que tipifica o desrespeito às prerrogativas como crime. Vamos fazer um grande movimento nacional para a provação deste projeto. A defesa das nossas prerrogativas foi meu principal foco nestes últimos dois anos. Nossa Comissão passou a contar com mais de 2.200 delegados, que trabalham em todo o Estado para assistir os advogados vítimas de abuso por parte de magistrados e demais autoridades. Foi um desses delegados que atuou prontamente no caso da Valeria, citado no início deste artigo.

A defesa das nossas prerrogativas é mais que a garantia da cidadania. Mais que um direito. É um dever de cada um de nós e não vamos desistir um minuto sequer desta luta. O slogan “sem advocacia não há Justiça. Sem Justiça não há democracia” tem de deixar de ser apenas um adesivo que a gente cola no carro ou um papel de parede do Facebook para se tornar, efetivamente, a nossa grande bandeira.

E quais as suas propostas para a advocacia de Petropólis?

As citadas acima incluem, claro, Petrópolis, onde apoiamos a reeleição do presidente Marcelo Schaefer. Respeitamos, claro, a candidatura do Miguel Barreto, mas entendemos que a gestão de Schaefer o credencia a mais três anos à frente da subseção. Nossa ideia é continuar atuando em parceria para o aprimoramento dos serviços essenciais aos advogados, atentos para os novos desafios do processo eletrônico, bem como os novos perfis da advocacia.

Vamos manter e ampliar os cursos, palestras e eventos na busca da qualificação constante da advocacia petropolitana. Vamos dar apoio à jovem advocacia com estrutura de trabalho e aprimoramento profissional, e fortalecer ainda mais a defesa da Mulher Advogada, na busca da necessária igualdade entre todos os profissionais do direito.

Vamos ampliar o relacionamento com as universidades locais integrando instituições, alunos, estagiários e advogados e trabalhar junto à ADVCredi para trazer os benefícios do sistema bancário cooperativo, com melhores condições de empréstimos e taxas.



Edição anterior (1472):
quarta-feira, 21 de novembro de 2018
Ed. 1472:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1472): quarta-feira, 21 de novembro de 2018

Ed.1472:

Compartilhe:

Voltar:


Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior