Edição anterior (1517):
sábado, 05 de janeiro de 2019
Ed. 1517:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1517): sábado, 05 de janeiro de 2019

Ed.1517:

Compartilhe:

Voltar:


  Colunistas
Fernando Costa
COLUNISTA

 

 

Louvado seja monsenhor Paulo Daher.

  Aos 87 anos demonstra uma disposição sacerdotal  de um jovem  no início do presbiterato. Não mede esforços para atender a quem  a ele se dirige. Está em todas as cercanias da Circunscrição Eclesiástica. Leva a mensagem de Cristo e o inarredável amor à Maria Santíssima através de exemplos e do testemunho, gratidão e  de amor ao Senhor. Nasceu em  Salvador, Bahia, no dia 25 de julho de 1931. Petrópolis é sua terra por adoção. Nesta Diocese tem exercido diversas funções como Sacerdote. Recebeu em 1970, do Papa Paulo VI o título de Cônego e em 1980 e, o título de monsenhor do Papa João Paulo II. Ao ser ordenado sacerdote em março de 1955, continuou em Roma até setembro do mesmo ano. A seguir retornou a Diocese ocasião em que iniciou o ministério sacerdotal na Catedral São Pedro de Alcântara. Em 1956, foi nomeado pelo Bispo Dom Manoel Pedro da Cunha Cintra para o exercício do ministério sacerdotal no Seminário Nossa Senhora do Amor Divino em Corrêas, onde permaneceu por 11 anos. Ali foi professor e diretor espiritual tendo contribuído de forma exemplar com a formação dos noveis sacerdotes. Por nomeação de Dom Cintra, em 1967 assumiu como pároco da Catedral. Permaneceu no exercício desse múnus por 19 anos. Nesse período desenvolveu diversos trabalhos pastorais nas comunidades da paróquia  assim como  teve participação em outros movimentos e eventos na cidade, dentre eles no Grupo Ação, Justiça e Paz, eleito secretário no ano de 1979, cujo cargo exerceu até 1980, ocasião da eleição de nova diretoria. Monsenhor Paulo Daher nos 63 anos de ministério sacerdotal exerceu de forma modelar os serviços a ele confiados. Seu tempo tem merecido durante toda a vida dedicada ao Kerigma, ao anúncio do Evangelho, orientando ao imenso rebanho aos  diversos movimentos e pastorais, dentre eles a Catequese, Legião de Maria, Equipes de Nossa Senhora, Pastoral Familiar, Renovação Carismática Católica e os fiéis pela orientação espiritual e confissão. Foi professor da Universidade Católica de Petrópolis durante mais de 30 anos onde deixou profundas marcas pela dedicação e amor à missão de ensinar. É orientador e capelão do Colégio Santa Isabel onde eu tenho o privilégio de participar da equipe de liturgia às segundas – feiras. É Coordenador Diocesano das Pastorais. É perceptível o especial carinho na participação dos leigos cuja dos mesmos seja através da catequese ou cursos e encontros. Escreveu diversos livros de formação teológica e catequese, e neles usa uma linguagem acessível possibilitando a interpretação e assimilação acessível a todos os graus de conhecimento e escolaridade. O Catecismo da Igreja Católica é um dos livros que em muito auxilia às catequistas.  Há tempos fui obsequiado com diversas obras de sua lavra e as levei ao Japão onde cumprimos o apostolado da evangelização aos nossos irmãos da Terra do Sol Nascente e àqueles estrangeiros Cristãos Católicos que escolheram aquela terra para trabalhar e residir. Se alguém desejar conhecer algumas das produções do Monsenhor Paulo Daher se dirijam à sede da Mitra, na Rua São Pedro de Alcântara, número 12. Estive participando de um colóquio literário na Escola Carlos Demiá a convite da Professora Luísa Paiva Ferrari no Retiro e ali tomei conhecimento de uma das iniciativas do Monsenhor Paulo Daher: a criação do Espaço Artístico que leva seu nome. Está localizado naquele estabelecimento de ensino  e oferece formação musical e artística às crianças gratuitamente. Parabéns Monsenhor Paulo Daher. Redobradas bênçãos celestiais e muito e muitos anos de vida para a glória de Deus sob a proteção de Maria e alegria nossa.

 



Edição anterior (1517):
sábado, 05 de janeiro de 2019
Ed. 1517:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1517): sábado, 05 de janeiro de 2019

Ed.1517:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior