Edição anterior (2257):
quinta-feira, 14 de janeiro de 2021
Ed. 2257:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2257): quinta-feira, 14 de janeiro de 2021

Ed.2257:

Compartilhe:

Voltar:


  Estado

Governo Presente na Serra anuncia obras, faz inaugurações e ouve a população

 
Passagem por Nova Friburgo, Teresópolis, Areal e Petrópolis foi a primeira ação do gabinete itinerante


Reformas em estradas, manutenção de encostas, desassoreamento de rios, licitações abertas, inauguração de duas Casas do Trabalhador e muita, muita conversa. Assim pode ser resumido o programa Governo Presente na Região Serrana, que será replicado em outras áreas do estado. Durante três dias, o governador em exercício trabalhou na região, como uma forma de marcar os 10 anos da tragédia que afetou a vida de milhares de pessoas. Nas agendas, Cláudio Castro anunciou, ao lado dos secretários, investimentos de mais de R$ 500 milhões, que vão da prevenção de acidentes ao bem-estar da população.

- A passagem pela Serra marca um novo momento deste governo. Após alguns meses de muito trabalho interno, que foi muito importante para, por exemplo, fecharmos o ano com as finanças em dia, vamos para a rua. Entendo que política é basicamente diálogo e trabalho. É ouvir a população, os empresários, enfim, a sociedade, e tirar do papel projetos que mudem a vida das pessoas. Alguns governantes começaram a se achar mais autoridades do que servidores, mas nós estamos aqui para servir ao povo e, principalmente, aos que mais precisam. E acho que conseguimos fazer isso nestes três dias - avaliou Cláudio Castro.

VEJA ABAIXO AS PRINCIPAIS AÇÕES DO GOVERNO PRESENTE NA SERRA:

Diálogo

Em Teresópolis, o Governo realizou um fórum que reuniu 15 prefeitos e secretários municipais, onde foram discutidas as demandas das cidades. O governador em exercício ainda esteve com empresários locais nas três cidades que se tornaram sede do Governo: Nova Friburgo, Teresópolis e Petrópolis. Ao longo dos três dias, lideranças comunitárias foram recebidas para que o Estado pudesse ouvir as demandas da população. Foi o caso dos síndicos do Conjunto Habitacional Fazenda Ermitage, em Teresópolis, e de representantes de associações de vítimas e moradores de Petrópolis e Areal.

Homenagens

Ao longo dos três dias foram realizadas homenagens às vítimas e aos heróis da tragédia, com destaque para o toque de silêncio realizado à meia-noite do dia 11 para o dia 12, no quartel do Corpo de Bombeiros de Petrópolis. Bombeiros e cidadãos receberam medalhas para marcar sua importante contribuição nas operações de resgate. Em Teresópolis, houve ainda o lançamento da pedra fundamental do Monumento às Famílias Vitimadas.


Encostas
 
O Estado finaliza, ao longo de 2021, todas as obras consideradas fundamentais após a tragédia, com o investimento de R$ 135 milhões. Castro visitou as obras de encostas no Jardim Califórnia, em Nova Friburgo, e no bairro Salaco, em Teresópolis.
.
Limpa Rios
 
Serão investidos cerca de R$ 220 milhões em serviços de desassoreamento e canalização de rios, além da urbanização de margens. O governador acompanhou de perto o trabalho no rio Córrego Dantas, em Nova Friburgo, e nos rios Paquequer, Príncipe e no Córrego Imbuí, em Teresópolis.

Estrada
 
O Governo anunciou ainda a revitalização de sete rodovias estaduais. Só na RJ-134 o investimento será de R$ 21,7 milhões. A intervenção na RJ-242 (Sumidouro - Campinas) começa em fevereiro, enquanto a da RJ-123 (trecho entre Secretário e Pedro do Rio) tem previsão de início em abril. As obras estão agendadas para maio na: RJ-131 (Três Rios - Levy Gasparian), RJ-151 (Afonso Arinos - Levy Gasparian), RJ-148 (Vargem Grande - Sumidouro) e RJ-156 (Sumidouro - Volta do Pião)..

Ponte
 
Foi anunciada a duplicação da ponte do Imbuí, que além de melhorar o acesso a bairros de Teresópolis vai evitar que o escoamento das águas do Rio Imbuí seja represado. Serão investidos mais de R$ 2,1 milhões. Também serão realizados serviços de urbanização e paisagismo. Os investimentos totalizam R$ 18 milhões.

Trabalho
 
Inauguração de unidades em Nova Friburgo e Petrópolis, as primeiras da Região Serrana. O espaço oferece cursos de qualificação para a população por meio de parcerias com instituições locais, sempre levando em consideração as vocações regionais e as necessidades do mercado de trabalho.
 
Habitação
 
O Estado realizará também as obras de infraestrutura externa do conjunto Ermitage, em Teresópolis, no Conjunto Habitacional da Posse, em Petrópolis, e garantirá as construções da estação de tratamento de esgoto (ETE) e do reservatório de água, além do acesso viário do conjunto habitacional Granja Disco, viabilizando a entrega das 153 casas já prontas - a previsão é janeiro de 2022.

Agricultura
 
Foram entregues cheques para floricultores da Região Serrana, no valor de R$ 100 mil, por meio do Programa Agrofundo, que foi lançado de forma emergencial no início da pandemia e já atendeu a 125 produtores de 13 municípios, totalizando mais de R$ 1 milhão de créditos concedidos.


Edição anterior (2257):
quinta-feira, 14 de janeiro de 2021
Ed. 2257:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2257): quinta-feira, 14 de janeiro de 2021

Ed.2257:

Compartilhe:

Voltar: