Edição anterior (1742):
domingo, 18 de agosto de 2019
Ed. 1742:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1742): domingo, 18 de agosto de 2019

Ed.1742:

Compartilhe:

Voltar:


  Cidade

Hortomercado Municipal completou 30 anos sábado

A comemoração contou com uma programação variada, muito movimento e presenças ilustres

Antônio Reuther

 

O Hortomercado Municipal, o qual carrega o nome de José Carneiro Dias, antigo jornalista e empresário bem sucedido da cidade, foi fundado dia 17 de agosto de 1989. O estabelecimento, de tanta importância para o município, completou seus 30 anos, ontem (17), e recebeu a visita de figuras como a do prefeito Bernado Rossi, do Secretário de Agricultura, Eduardo Lopes, entre outros.

O secretário de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento do Estado do Rio de Janeiro, Eduardo Lopes, esteve presente na celebração. Eduardo destacou a importância do Horto para a cidade, e, da cidade para o Estado. O secretário ainda contou que pretende visitar a cidade novamente para visitar toda a área produtiva da cidade.

-Hoje foi minha primeira visita aqui e, justamente para a comemoração do aniversário. Acho que poderíamos trabalhar firme nesse sentido de transformar o estabelecimento em um patrimônio cultural da cidade, principalmente para Itaipava, que é um local bem visitado por turistas. Com o Horto, conseguimos trazer os produtores para apresentar seus produtos. A população, tanto local, quanto turística, tem acesso a um produto de qualidade, direto do produtor. Há muita coisa que as pessoas nem imaginam que são produzidas aqui, e tomam conhecimento. Petrópolis é o principal pólo produtor de produtos orgânicos do estado. Hoje, minha visita foi em relação, especificamente à essa comemoração, mas pretendo voltar para conhecer de perto, não apenas os produtores, como também toda a área produtiva da cidade – comentou.

O Bar do Horto está atende o estabelecimento em 28 dos 30 anos de existência. Manoel Ribeiro, dono do bar, contou que trabalha no estabelecimento desde seus 5 anos de idade. Segundo ele, há uma boa geração de empregos e, além disso, contou que o espaço se tornou um ponto de encontro para a população, tanto do estado, quanto da cidade.

- O prédio foi fundado há 30 anos e já estamos aqui há 28. É um espaço muito familiar. Vim trabalhar aqui com cinco anos e acompanhei o desenvolvimento. Aqui se tornou um ponto de encontro para toda a população, tanto a do estado, quanto a de Petrópolis mesmo. Conseguimos gerar bastante emprego e formar pessoas – contou.

Um morador da cidade, Youssef Bacila, contou que o lugar serve como um bom passeio para a família nos fins de semana. Ele e sua família moravam em Curitiba, quando vieram para a Cidade Imperial há 10 anos.

-Visito aqui frequentemente com minha esposa e meus filhos. Quando vemos, fazemos bastante compra no mercado e ainda dá para comer alguma coisa aqui no bar. As crianças adoram. É uma ambiente bem agradável – disse.

Sebastião Fernando trabalha no Hortomercado desde quando foi fundado. Segundo ele, o local já se tornou um cartão de visitas para Itaipava, mas apresenta problemas, principalmente na questão do estacionamento.

-O Hortomercado já é um patrimônio da cidade. É um cartão de vistas para muitos turistas e moradores da cidade. O principal problema é quantidade de visitas que recebemos. Com essa quantidade grande de visitas, o estacionamento não está suportando a quantidade de veículos. Acho que é ponto que precisava ser pensado – comentou.



Edição anterior (1742):
domingo, 18 de agosto de 2019
Ed. 1742:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1742): domingo, 18 de agosto de 2019

Ed.1742:

Compartilhe:

Voltar: