Edição anterior (1562):
terça-feira, 19 de fevereiro de 2019
Ed. 1562:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1562): terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

Ed.1562:

Compartilhe:

Voltar:


  Polícia

Idoso é levado à Delegacia após molestar criança com Síndrome de Down

 Guardas civis foram os responsáveis pela ação

Um homem de 72 anos acusado de molestar uma criança de 12 foi detido na manhã desta terça-feira (19.02) por agentes de Guarda Civil. O suspeito foi levado para a 105ª Delegacia de Polícia e vai responder por estupro de vulnerável. A ação ocorreu no momento em que os agentes faziam uma ronda pelo Terminal Centro e uma testemunha afirmou ter visto o suspeito pegando na mão do menino, que tem síndrome de Down, e passando nos órgãos genitais.

Com maior presença de agentes nas ruas – mantendo 30 homens para atuação no Centro e arredores, além de 10 agentes em atividade na 2ª Inspetoria, que atende os distritos –, a Guarda Civil consegue fazer uma rotina de rondas de patrulhamento e, assim, atender ocorrências relatadas pela população, como o caso relatado às autoridades.

“Esse tipo de ação é possível graças a valorização dada aos guardas, priorizando a presença dos agentes na rua, tendo contato maior com a população para garantir a segurança dos petropolitanos. Essa aproximação e confiança nos agentes trazem grandes benefícios à polícia”, ressalta o prefeito Bernardo Rossi.

De acordo com a ocorrência, o pai estava sentado de costas para o menino e não viu a ação, mas uma testemunha flagrou o ato e acionou os guardas. Na delegacia, o idoso alegou que estava apenas arrumando a roupa do menino. No entanto, ele vai responder pelo artigo 217-A do Código Penal Brasileiro (estupro de vulnerável), já que a vítima tem menos de 14 anos e possui síndrome de Down. Ele foi preso e será apresentado para uma audiência de custódia nesta quarta-feira (20.02). O artigo 217-A prevê pena de oito a 15 anos de reclusão.

“A maior presença tem levado a Guarda a realizar prisões nos últimos meses. Em janeiro, os agentes já haviam feito a prisão de três pessoas por furto e estelionato no Alto da Serra. Também no Alto da Serra, um carro roubado foi localizado. Outro homem foi preso por dano ao patrimônio público. E esse mês realizamos operações com canil que identificaram jovens com drogas”, lembra a comandante interina da Guarda, Cláudia Conceição.



Edição anterior (1562):
terça-feira, 19 de fevereiro de 2019
Ed. 1562:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1562): terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

Ed.1562:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior