Edição anterior (1793):
terça-feira, 08 de outubro de 2019
Ed. 1793:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1793): terça-feira, 08 de outubro de 2019

Ed.1793:

Compartilhe:

Voltar:


  Diário Comunidades

Moradores da Rua Nova relatam descaso do município

Felipe Queiroz, especial para o Diário.

 

Na manhã de ontem (7), um residente da Rua Nova, na 24 de Maio, enviou uma série de fotografias para a redação do Diário de Petrópolis mostrando algumas situações complicadas que o bairro passa devido a falta de manutenção da região. Entre os problemas relatados, se destaca o lixo devido à falta de coleta dos entulhos e o descarte irregular fora das caçambas e em cima das calçadas, que obriga os moradores a circularem no meio da rua. O ajudante de distribuição, Fernando Braga, afirmou que inúmeras reclamações foram feitas e até o momento nada foi resolvido.

- Devido as nossas denúncias, ficamos algum tempo sem a coleta regular de lixo domiciliar, sem nenhuma satisfação da Prefeitura, mas parece que voltaram a se importar com o recolhimento nos últimos dias. Mas os entulhos seguem crescendo e tomando os espaços da rua e ninguém toma alguma medida para solucionar isso. Está péssimo o estado das vias – comentou.

Outro problema é relacionado à obra de um buraco visto na altura do número 260 que segue paralisada e impede a livre circulação na via. Assim como, os inúmeros carros estacionados na pista que atrapalham o duplo sentido e a passagem de ônibus no local. Uma moradora que não quis se identificar comentou que esse problema é recorrente e que dificulta, principalmente, a vida de quem depende do transporte público para a locomoção.

- Muitos utilizam o bairro como forma de escapar do tráfego na cidade. O alto número de carros estacionados na calçada e na pista atrapalha o morador que se submete a caminhar pelo meio da via. O tempo de viagem dos ônibus aumentou e houve mudança de trajeto para chegar ao ponto final depois do imenso buraco que surgiu no início da Rua Nova. No local existe uma placa da Secretaria de Obras, porém há cerca de uma semana permanece da mesma forma e longe de ser resolvido. – disse.

A falta de capina também incomoda, em diversos trechos nota-se a presença de plantas invadindo o caminho dos veículos. A pavimentação da rua também segue em estado alarmante, já que, é visto o asfalto cedendo em certos pontos, criando desníveis na pista.

A redação do Diário questionou a Prefeitura a respeito dos problemas relatados por moradores, mas até o fechamento desta edição não obteve resposta.

 



Edição anterior (1793):
terça-feira, 08 de outubro de 2019
Ed. 1793:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1793): terça-feira, 08 de outubro de 2019

Ed.1793:

Compartilhe:

Voltar:







Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior