Edição anterior (1487):
quinta-feira, 06 de dezembro de 2018
Ed. 1487:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1487): quinta-feira, 06 de dezembro de 2018

Ed.1487:

Compartilhe:

Voltar:


  Polícia

Polícia Civil desmantela quadrilha que aplicava “Golpe da Panela” em Itaipava

 

Uma quadrilha de estelionatários foi desmantelada em uma operação desencadeada por policiais da 106ª DP (Itaipava), na tarde de terça-feira. Eles seriam os autores do “Golpe da Panela”, que lesou, principalmente, moradores e comerciantes dos distritos. Dois homens e duas mulheres foram autuados e vão responder o processo em liberdade.  

Os suspeitos são do município de Contagem, em Minas Gerais e foram detidos a tarde de terça-feira, no estacionamento de uma tradicional lanchonete, localizada na reta de Itaipava. “Por enquanto, apenas uma vítima procurou a delegacia, mas realizamos levantamentos e por meio de sites da internet, constatamos que várias pessoas caíram neste mesmo golpe”, explica a delegada Juliana Ziehe, titular da 105ª DP.

Os estelionatários, de acordo com a polícia, utilizavam uma pick-up Hilux, branca. Paravam na porta de residências e estabelecimentos comerciais e ofereciam panelas antiaderente de marcas renomadas. Faziam demonstrações dos produtos e vendiam as mercadorias por cerca de R$ 1 mil.

Os clientes compravam acreditando estar fazendo um bom negócio, porém, depois da saída dos golpistas, quando abriam as caixas, percebiam que a mercadoria entregue não era a mesma oferecida. Se tratava de produto de marca inferior, normalmente vendida por, no máximo R$ 100,00.

Indignada com o golpe, uma vítima procurou a 106ª DP para comunicar o ocorrido e, em menos de 12 horas, a equipe da delegacia de Itaipava conseguiu localizar o grupo. Os quatro suspeitos foram levados para prestar esclarecimentos e além das mercadorias, também foram apreendidas máquinas de cartão de crédito.

Além da autuação por estelionato, a prefeitura foi acionada e efetuou a autuação administrativa.

“É importante que as pessoas estejam atentas e não comprem produtos sem nota fiscal e de procedência duvidosa para evitar cair neste tipo de golpe. Caso tenham sido vítimas, devem comparecer a Delegacia mais próxima para realização do registro de ocorrência”, frisa a delegada.



Edição anterior (1487):
quinta-feira, 06 de dezembro de 2018
Ed. 1487:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1487): quinta-feira, 06 de dezembro de 2018

Ed.1487:

Compartilhe:

Voltar:


Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior