Edição anterior (2132):
sexta-feira, 11 de setembro de 2020
Ed. 2132:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2132): sexta-feira, 11 de setembro de 2020

Ed.2132:

Compartilhe:

Voltar:


  Tecnologia

Potencial tecnológico de Petrópolis será levado às grandes empresas

Objetivo do município é atrair investimentos a ampliar a geração de empregos

Jaqueline Ribeiro - especial para o Diário

 

Com foco na geração de empregos para os petropolitanos no pós pandemia, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico vem trabalhando para dar visibilidade ao potencial tecnológico da cidade. O objetivo é atrai para Petrópolis grandes empresas do setor de tecnologia, que emprega em torno de duas mil pessoas em cerca de 100 empresas. Para isso,  o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Soares irá  articular reuniões com grandes empresas do setor de tecnologia, em busca de investimentos na cidade. a busca por novos investimentos no setor acontece em paralelo aos trabalhos para definição de projetos a serem apresentados ao chefe de ensino pesquisa e inovação do Departamento de Ciência e Tecnologia do Exercito Brasileiro, para formalização de um  convênio.

- O potencial da cidade é muito grande no setor de tecnologia. Estamos buscando contato com executivos de grandes empresas do setor, como a IBM, que há alguns anos manifestou interesse na cidade. A intenção é apresentarmos às grandes empresas tudo que Petrópolis oferece. A cidade tem hoje uma capacidade instalada em tecnologia muito maior do que há alguns anos. Temos mão de obra qualificada e todo potencial para nos tornarmos um dos maiores polos do país em tecnologia - avalia o secretário Marcelo Soares. 

          Entre os diferenciais citados por Soares está o Parque Tecnológico da Região Serrana (Serratec), que tem o programa de residência em software e vai aumentar a oferta de profissionais qualificados no setor de tecnologias; a presença de universidades com cursos na área  de tecnologia; e ainda o  Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC), onde está o supercomputador Santos Dumont - considerado o maior computador em capacidade de processamento da América Latina e um dos 200 mais rápidos do mundo.

          - Nossa intenção é fazer contato com as grandes empresas do setor e agendar reuniões com os executivos para mostrarmos a capacidade instalada que a cidade tem atualmente em tecnologia e assim atrairmos novos negócios para a cidade, gerando empregos para os petropolitanos - pontua o  secretário Marcelo Soares, que aposta na tecnologia para acelerar o desenvolvimento da cidade.

No ano passado o município implementou a Lei da Inovação, que prevê a constituição de instrumentos de incentivo como Sistema Municipal de Inovação, Conselho de Inovação e Fundo da Inovação. 



Edição anterior (2132):
sexta-feira, 11 de setembro de 2020
Ed. 2132:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2132): sexta-feira, 11 de setembro de 2020

Ed.2132:

Compartilhe:

Voltar:







Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior