Edição anterior (1978):
sexta-feira, 10 de abril de 2020
Ed. 1978:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1978): sexta-feira, 10 de abril de 2020

Ed.1978:

Compartilhe:

Voltar:


  Covid-19

 

 

Prefeitura compra remessa de quatro mil testes rápidos para o diagnóstico da COVID-19

Primeiro lote, com 500 unidades, chegou nesta quinta-feira

Kits vão dar agilidade aos resultados na cidade, com resultados em 15 minutos

A notícia foi trazida pelo prefeito Bernardo Rossi na tarde desta quinta-feira (09/04). Ao todo, 4 mil unidades do teste foram adquiridas pela prefeitura para dar agilidade aos resultados que, hoje, apresentam uma espera de 15 dias. O primeiro lote, com 500 kits, já está com a Secretaria de Saúde e deve começar a ser utilizados nos pontos de apoio do Centro e Itaipava na próxima segunda-feira.

“Antes de darmos início aos testes precisamos finalizar um fluxo específico de utilização. Vamos, também, capacitar os enfermeiros para que eles estejam totalmente preparados para a realização dos testes. Os kits já estão na Secretaria de Saúde e devemos dar início ao uso já na próxima segunda-feira. Estamos seguindo as determinações do governo do Estado com a certeza que esse é o melhor caminho”, afirmou o prefeito Bernardo Rossi.

Segundo o médico infectologista, José Henrique Castrioto, os testes vão contribuir na luta contra a doença. “Os testes chegaram em bom momento. Petrópolis ainda apresenta poucos casos, mas precisamos achatar ainda mais nossa curva para que não lotemos as unidades de saúde. Com mais agilidade no resultado dos exames, os médicos podem acelerar o início do tratamento aliviando os sintomas e dando mais atenção a cada um dos pacientes”, disse. Seguindo determinação da Secretaria de Saúde, apenas pacientes com sintomas específicos da COVID-19 poderão fazer o teste e tal decisão deverá partir de diagnóstico médico fechado no local do primeiro atendimento.

Mais 20 leitos na cidade

Também nesta quinta-feira (09/04), a prefeitura de Petrópolis fechou um importante convênio com o Hospital SMH, no bairro Valparaíso. Segundo o acordo, vinte leitos da unidade ficarão à disposição do município para casos confirmados de COVID-19. São dez leitos clínicos e dez de Unidade de Terapia Intensiva. Os novos espaços vão colaborar no crescimento de vagas em caso de necessidade e superlotação de outras unidades de saúde na cidade.

Prefeito anuncia prorrogação dos decretos até 30 de abril

O prefeito Bernardo Rossi anunciou ainda a prorrogação do decreto municipal com as medidas de prevenção e de enfrentamento do coronavírus até o dia 30 de abril. Desta maneira, permanecem suspensas as aulas nas unidades das redes públicas e privadas e todos os eventos e atividades que promovam a aglomeração de pessoas. Programas coletivos, como cinema, parques, teatro e afins também estão novamente incluídos na determinação. Da mesma forma, o comércio em geral e as academias de ginástica devem permanecer fechados. A chegada e saída de ônibus intermunicipais e interestaduais também permanecem suspensas.

Durante a vigência deste novo decreto, fica autorizado o funcionamento de mercados, farmácias, petshops, açougues, distribuidoras de água e de gás, serviços de saúde, lojas de materiais hospitalares, postos de combustíveis, oficinas mecânicas, além de estabelecimentos destinados à venda de material de construção, ferragem e equipamento de proteção individual, vedada a aglomeração de pessoas no desempenho das atividades



Edição anterior (1978):
sexta-feira, 10 de abril de 2020
Ed. 1978:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1978): sexta-feira, 10 de abril de 2020

Ed.1978:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior