Edição anterior (1978):
sexta-feira, 10 de abril de 2020
Ed. 1978:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1978): sexta-feira, 10 de abril de 2020

Ed.1978:

Compartilhe:

Voltar:


  Covid-19

Primeira parcela do Auxílio Emergencial movimenta agências da Caixa e BB

Benefício já foi retirado por mais de dois milhões de trabalhadores

Camila Caetano, com informações da Agência Brasil

 

Nesta última quinta-feira (9) cerca de 2,5 milhões de pessoas receberam a primeira parcela do Auxílio Emergencial ao Cidadão. A medida, disponibilizada pelo governo, é destinada aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais, autônomos e desempregados. O benefício trata-se de um salário de R$600,00 que será pago durante três meses para até duas pessoas da mesma família. Para as famílias em que a mulher seja a única responsável pelas despesas da casa, o valor pago mensalmente será de R$1.200,00.

O benefício pode ser retirado em uma das agências da Caixa Econômica Federal, ou ainda, no Banco do Brasil. Ontem, o pagamento começou a ser feito, para quem já está inscrito no Cadastro Único de Programas Sociais (CadÚnico) e tem conta em um dos dois bancos públicos. Os demais trabalhadores têm que se cadastrar no aplicativo Caixa Auxílio Emergencial ou no site Auxílio Caixa, e começarão a ser pagos até o dia 14.

Segundo informações da Agência Brasil, das 2,5 milhões de pessoas beneficiadas, 2 milhões receberam seus recursos na Caixa e cerca de 500 mil no Banco do Brasil.

Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, anunciou em uma transmissão ao vivo que, além do grande número de pessoas que puderam retirar a primeira parcela do benefício ontem, há uma previsão de que cerca de mais 3,5 milhões de pessoas serão beneficiadas no dia 14.

Movimentação nos bancos

Na Caixa Econômica Federal, banco que apresentou mais movimento para a retirada da primeira parcela do Auxílio Emergencial ao Cidadão, um funcionário informou que, mesmo com o grande fluxo de pessoas, em Petrópolis, as medidas de prevenção contra a covid-19 estão sendo seguidas.

-O movimento está sendo bastante intenso. Além das pessoas que estão indo nas agências retirar seus benefícios, muitas outras têm ido em busca de informações. Os funcionários estão fazendo o uso de máscaras e luvas. Para os clientes, há demarcações nas calçadas, indicando a distância mínima de um metro e meio que deve ser mantida. Além disso, nas salas de autoatendimento, só uma pessoa por vez pode acessar as máquinas, e dentro das agências, estamos trabalhando com apenas 30% da nossa capacidade, para realizar somente serviços essenciais – informou o funcionário, que preferiu não se identificar.

Vale ressaltar, que de acordo com informações da Caixa Econômica, quem estava no Cadastro Único até o dia 20/03, e que atenda as regras do Programa, receberá sem precisar se cadastrar no site da Caixa. Quem recebe Bolsa Família poderá receber o Auxílio Emergencial, desde que seja mais vantajoso. Neste período o Bolsa Família ficará suspenso.

As pessoas que não estavam no Cadastro Único até 20/03, mas que têm direito ao auxílio poderão se cadastrar no site auxilio.caixa.gov.br ou pelo APP CAIXA|Auxílio Emergencial. Depois de fazer o cadastro, a pessoa pode acompanhar se vai receber o auxílio emergencial, consultando no próprio site ou APP.



Edição anterior (1978):
sexta-feira, 10 de abril de 2020
Ed. 1978:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1978): sexta-feira, 10 de abril de 2020

Ed.1978:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior