Edição anterior (1515):
quinta-feira, 03 de janeiro de 2019
Ed. 1515:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1515): quinta-feira, 03 de janeiro de 2019

Ed.1515:

Compartilhe:

Voltar:


  Cidade

Primeiro bebê do HAC nasce às 3h40 da madrugada do dia 1º de janeiro

Outros oito partos foram realizados no primeiro dia do ano

           João Lucas Meireles de Carvalho deu boas-vindas ao ano de 2019 com seu primeiro choro às 3h40, da madrugada da primeira terça-feira (01.01) do ano, na maternidade do Hospital Alcides Carneiro (HAC). Ele foi o primeiro dos oito bebês que nasceram na maternidade no primeiro dia do ano. Com 38 semanas e um dia, 3.590 kg, o bebê nasceu de parto normal mudando a programação dos festejos de Ano Novo da família, que esperava o nascimento para a partir do dia dois.    

O primeiro bebê do ano, é o segundo filho da dona de casa Aline Fonseca Meireles, 31 anos, que mora no bairro do Caxambu. Internada desde segunda-feira (31.12.18), Aline conta que começou a ter as contrações por volta das 21h da véspera do Ano Novo e às 22h já estava no hospital para aguardar a chegada do seu bebê. João Lucas nasceu cinco horas depois de a mãe ter sido internada

“Ele nasceu com o mesmo tempo de gestação do meu primeiro filho. Esse foi o nosso maior presente do ano”, diz a mãe que conta com orgulho os detalhes do nascimento do primeiro bebê do ano no hospital.

            Aline conta que a segunda gestação, assim como a primeira, foi totalmente planejada, ela só não esperava que fosse ser mãe do primeiro bebê do ano no HAC.

“Estávamos em casa e de repente a bolsa estourou e corremos para o hospital”, conta a mãe, que mesmo não sendo de primeira viagem, está ansiosa em ver como será a rotina com duas crianças em casa. O primeiro filho, o Bernardo, tem quatro anos de idade.

Entre os bebês da maternidade, João Lucas já fazia sucesso nas primeiras horas de nascido. E a combinação do nome escolhido pela mãe, em muito se relaciona com a popularidade do bebê. João, um dos nomes judeus mais populares no mundo, possui versão em diversas línguas e Lucas, de origem grega, representa a cidade da luz. Mas apesar de toda história por trás do nome, a mãe conta que a escolha foi casual, há quatro anos. “Estava no final da gravidez do meu primeiro filho quando assistindo televisão, vi uma novela em que um personagem tinha esse nome, que guardei para o meu segundo filho, pois para o primeiro já estava decidida”, conta.

No primeiro dia com o filho nos braços, Aline conta as horas para voltar para a casa e levar o mais novo integrante da família. “Se tudo der certo, vou ter alta amanhã (quarta-feira, 03.01)”, conta Aline, que estava no hospital com a avó de João Lucas e o marido.

Enquanto aguardam a liberação para voltar para casa, o pai da criança já se informava sobre as documentações para o registro do primeiro bebê da maternidade, que poderá ser feito no cartório do próprio hospital. “Amanhã, antes de irmos embora, já vou trazer os documentos para registrar meu filho”, conta o pai Alexsandro Rodrigues de Carvalho, 37 anos.

O número de nascimentos no primeiro dia do ano acompanha a média de partos realizados por dia em 2018. No ano passado a maternidade do HAC registrou 3.138 partos, cerca de 260 ao mês. Para 2019, a expectativa é de que esse número aumente, tendo em vista os avanços previstos. A maternidade passa por reforma para a ampliação da emergência, da unidade pós-cirúrgica, casa de partos e reestruturação de vários setores. A obra está sendo feita por meio de um convênio da prefeitura com a Faculdade Arthur Sá Earp (FMP/Fase), que mantém programas de residência médica no Hospital de Ensino Alcides Carneiro.

O hospital, também já está cadastrado e habilitado pelo Ministério da Saúde para a implantação do projeto Rede Cegonha, para construção da Casa da Gestante, Bebê e Puérpera (CGBP). O projeto vai oferecer estrutura complementar à maternidade.



Edição anterior (1515):
quinta-feira, 03 de janeiro de 2019
Ed. 1515:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1515): quinta-feira, 03 de janeiro de 2019

Ed.1515:

Compartilhe:

Voltar:


Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior