Edição anterior (1846):
sábado, 30 de novembro de 2019
Ed. 1846:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1846): sábado, 30 de novembro de 2019

Ed.1846:

Compartilhe:

Voltar:


  PROCON

Procon atuou durante a madruga e orientou consumidores na Black Friday

Nenhuma loja foi autuada, mas equipe atendeu mais de 30 reclamações de consumidores, que tiveram os problemas solucionados na hora

 

 

Seguindo a ação especial Black Friday, a equipe de fiscalização do Procon atuou durante toda a madrugada desta sexta-feira (29.11), percorrendo os principais estabelecimentos da cidade. Nenhuma loja foi autuada, porém a equipe atendeu mais de 30 reclamações de consumidores, que tiveram os problemas solucionados na hora. A equipe segue a operação também durante o dia, com a unidade Móvel do Procon, na Praça Alcindo Sodré, no Centro da cidade.

Os fiscais estiveram nas Lojas Americanas do centro e no Alto da Serra; no supermercado Extra do Quitandinha e Alto da Serra. Entre as reclamações, as com maior número foram as divergências dos preços que estavam nas prateleiras com os preços no sistema. Em todas, o Procon atuou e fez prevalecer o direito do consumidor que é manter o menor preço.

“Atuamos durante toda a madrugada orientando os consumidores e evitamos irregularidades durante as compras, fazendo valer o Código de Defesa do Consumidor. Estamos praticamente com as equipes em tempo integral para atender as demandas por toda a cidade”, destacou o coordenador do Procon Petrópolis, Bernardo Sabrá.

“A ação teve um bom resultado, já que o órgão solucionou todas as demandas apresentadas pelos consumidores em tempo real. O objetivo de coibir cobranças extorsivas e evitar falsas propagandas foi alcançado fazendo prevalecer as regras que regem o Código de Defesa do Consumidor”, completou Sabrá. A equipe distribuiu cartilhas informativas com dicas de compras e orientou os consumidores sobre as regras durante a Black Friday.

Os agentes de fiscalização fizeram no início do mês um levantamento, nas lojas virtuais e físicas, dos preços dos produtos mais vendidos durante a Black Friday. O levantamento inicial dos produtos foi realizado em 10 estabelecimentos entre físicos e virtuais, catalogando mercadorias de modelos e marcas diferentes como: celular, televisão, tablete, fogão, geladeira e ventilador. O órgão criou um acervo de fotos e dados dos preços e produtos de cada loja pesquisada, assim facilitará a apuração de denúncias. O Procon fiscaliza o cumprimento da lei 8.078 no artigo 37, que dispõe sobre propaganda enganosa utilizada para induzir o consumidor a erro.

Denuncie:

Denúncias sobre irregularidades podem ser feita na unidade do Procon que funciona na Rua Dr. Moreira da Fonseca 33, no Centro, ao lado da Câmara dos Vereadores. Os telefones para contato são o 2246-8469 / 8470/ 8471 / 8472 / 8473 / 8474 / 8475 / 8476 e 8477. Há, ainda, a unidade de Itaipava, que fica na Estrada União e Indústria 11.860, no Centro de Cidadania. Os usuários também têm como opção o WhatsApp Denúncia pelo 92257-5837 e o site www.petropolis.rj.gov.br/ procon e o serviço de mensagens da página Procon Petrópolis no Facebook.

 



Edição anterior (1846):
sábado, 30 de novembro de 2019
Ed. 1846:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1846): sábado, 30 de novembro de 2019

Ed.1846:

Compartilhe:

Voltar:







Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior