Edição anterior (1587):
sábado, 16 de março de 2019
Ed. 1587:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1587): sábado, 16 de março de 2019

Ed.1587:

Compartilhe:

Voltar:


  Política

Projeto aprovado na Câmara prevê avaliações periódicas das escolas municipais

A medida vem como resposta para as irregularidades encontradas no início do ano letivo em escolas como o Liceu Municipal Prefeito Cordolino Ambrósio

No último mês de fevereiro, a presidente da comissão de educação da Câmara Municipal de Petrópolis, vereadora Gilda Beatriz (MDB), fiscalizou e encontrou irregularidades em algumas das unidades escolares do município. A partir destas informações, a parlamentar tem apresentado medidas para evitar os problemas estruturais encontrados nas unidades.

Uma destas medidas é uma indicação legislativa, que foi aprovada, na última quarta-feira (13/03), que prevê a implementação de avaliações semestrais dos prédios escolares e centros de educação infantil da rede municipal.

“Após a constatação de inúmeras irregularidades, como foi o caso do Liceu, eu decidi que devemos apresentar projetos com o objetivo de prevenir que esta situação se repita nos próximos anos. Eu espero que a política de prevenção se torne algo normal na gestão pública, somente assim poderemos evitar futuros transtornos para os educadores, familiares e estudantes.”, declarou a vereadora.

Entre as ações buscando a prevenção, a vereadora também já aprovou uma indicação com um propósito similar, com o objetivo de prevenir incêndios em todos os prédios públicos. Após a votação no plenário, as medidas são encaminhadas para a Prefeitura, que pode dar sequência ou não as indicações apresentadas pela parlamentar.

“Espero que, depois de todo o constrangimento causado com a falta de preparo no início do ano letivo, estas medidas sejam apresentadas pelo governo municipal. Somente com a conscientização da importância da prevenção podemos evitar problemas maiores.”, completou Gilda.

Na justificativa da indicação encaminhada ao município, está o objetivo de criar mecanismos para garantir padrões de infraestrutura básicos para toda a rede. Gilda ainda afirma que a medida poderá proporcionar ações mais eficientes na execução de obras de reparo e aproveitamento inteligente de recursos públicos, evitando gastos emergenciais.



Edição anterior (1587):
sábado, 16 de março de 2019
Ed. 1587:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1587): sábado, 16 de março de 2019

Ed.1587:

Compartilhe:

Voltar:

Casando com Estilo








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior