Edição anterior (2620):
segunda-feira, 10 de janeiro de 2022
Ed. 2620:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2620): segunda-feira, 10 de janeiro de 2022

Ed.2620:

Compartilhe:

Voltar:


  Educação

Projeto do Morro oferece cursos profissionalizantes para pessoas carentes

 


 

Gabriel Miranda – estagiário

O Projeto do Morro, que fica na localidade conhecida como “Morro da Oficina”, no bairro do Alto da Serra, atende pessoas de todas as idades. O local já funciona há 13 anos e já profissionalizou muitas pessoas, sendo 10 cursos disponibilizados. A instituição não conta com nenhuma ajuda financeira e aceita doações.

Como se iniciou o projeto?

Segundo o criador do Projeto do Morro, Bruno Gonçalves, deu inicio com o intuito de ajudar as pessoas. “O local oferece cursos profissionalizantes, assim como aulas de esporte, cultura, lazer. Para as pessoas da cidade que se interessarem,” afirmou.

Cursos disponibilizados na instituição

O criador do projeto contou que possui dez cursos na instituição para as pessoas. “Nós temos as seguintes atividades disponibilizadas: aulas de cabeleireiro, barbeiro, trança, manicure, depilação, desenho, gastronomia, Muay Thai, entre outros,” relatou.

Bruno informou que o preço em outras instituições são mais caros pelos cursos oferecidos no local. “As aulas são gratuitas, são atividades que no particular custam um valor elevado e os alunos contribuem com R$ 5,00 de mensalidade,” contou.

Como fazer inscrição para entrar

De acordo com o Bruno, para estar apto a participar dos cursos, o aluno deve levar os seguintes documentos. “O interessado contribui com R$ 50,00 onde o mesmo é revertido para ele posteriormente. Precisamos de Xerox da identidade, CPF e comprovante de pagamento. Quem é menor de idade deve ser acompanhado do responsável. Todas as faixas etárias são permitidas,” citou.

Problemas com o telhado da instituição

Bruno contou que teve problemas com o telhado no local. “No início do ano a ventania trincou nosso telhado recém-construído, e agora na virada do ano novamente. O criador da instituição passou a virada do ano no local e foi como um filme de terror. Com o apoio das pessoas conseguimos reconstruir o teto do local, porem ainda precisamos de ajuda para reforçar e fechar ao redor para evitar o mesmo,” afirmou.

Alunos que se profissionalizaram

Durante os 13 anos na ativa alguns, o criador da instituição contou que alguns se tornaram profissionais. “Já se profissionalizaram mais de 1500 alunos de diversos bairros de Petrópolis e 20% abriram seu próprio negócio”, relatou.

Idas a outros bairros para doações e cursos

Bruno contou que tem o costume de levar o projeto para locais diferentes. “Sempre levamos o Projeto Do Morro eventualmente para outros bairros, oferecendo o atendimento gratuito, com cortes de cabelo, unha e muito mais. Fazemos festas comemorativas com doações de cestas básicas e presentes,” afirmou.

Professores voluntários

O local conta com professores voluntários e aceita a entrada de outras pessoas. “Os instrutores não ganham nenhuma remuneração. Quem quiser se um voluntário nos aceitamos em qualquer tipo de atividades e cursos que venha para somar na vida das pessoas”, citou.

O projeto aceita doações

Segundo informações do criador do Projeto Do Morro, o local depende de doações. “Nós conseguimos nos manter com R$ 1.200 mensais, mas ainda sim precisamos de ajuda,” contou.

Para doar o local disponibilizou a chave pix: Associação Projeto Do Morro, chave PIX CNPJ: 25.092.829/0001-92.

Endereço e número de contato para mais informações:

O local fica no Alto da Oficina, Servidão Frei Leão 964-D, no bairro Alto da Serra. O número para contato é: (24) 98833-5161.



Edição anterior (2620):
segunda-feira, 10 de janeiro de 2022
Ed. 2620:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2620): segunda-feira, 10 de janeiro de 2022

Ed.2620:

Compartilhe:

Voltar: