Edição anterior (2202):
sexta-feira, 20 de novembro de 2020
Ed. 2202:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2202): sexta-feira, 20 de novembro de 2020

Ed.2202:

Compartilhe:

Voltar:


  Estado
Quase metade da população fluminense pretende viajar ainda este ano, revela pesquisa do Instituto Fecomércio RJ

Levantamento também mostra que seis em cada dez entrevistados pretendem viajar para dentro do estado do Rio de Janeiro para lugares que tenham contato com a natureza. 

Após a flexibilização das medidas de isolamento social por parte do poder público, muitas famílias começaram a vislumbrar a possibilidade de realizarem viagens para dentro do estado do Rio. É o que revela uma pesquisa do Instituto Fecomércio de Pesquisas e Análises (IFec RJ) sobre os planos dos fluminenses com relação ao turismo.

O estudo aponta que 49,5% dos pesquisados pretendem realizar alguma viagem de lazer, ainda este ano. A sondagem também mostra que, entre os que pretendem deixar a cidade por mais de um dia, 71,1% não haviam programado a viagem antes da pandemia e somente 28,9% informaram que já estavam com esse planejamento.

Ao questionar os fluminenses para onde pretendem viajar, 57,3% disseram que vão fazer turismo dentro do Rio de Janeiro. Outros 39,5% afirmaram que vão realizar viagens para fora do estado e somente 3,2% para fora do país. 

Ambientes preferidos

Com mais da metade da população (57,3%) planejando passeios pelo estado do Rio, o IFec RJ procurou entender quais locais são os mais procurados. Para 66% dos fluminenses a preferência são lugares com maior contato com a natureza. Os demais apontaram: locais com menor contato com pessoas (14,2%), que possibilitem conciliar lazer e trabalho (11,9%) e outros (7,9%).

Onde ficar e como chegar

Cerca de 52,2% dos pesquisados informaram que pretendem ficar em hotéis, pousadas e hostels. Casa ou apartamento alugado (22,9%), casa ou apartamento de conhecido ou da família (20,2%) e casa ou apartamento próprio (3,2%). O principal meio de transporte para o destino escolhido será o carro próprio (56,9%), avião (20,2%), ônibus (10,3%) e carro alugado (7,1%).    

O levantamento também perguntou aos fluminenses se a escolha do destino da viagem teria influência direta nas medidas de controle da COVID-19 adotada na região selecionada. Entretanto, 58,5% afirmaram que não.

Com relação às viagens canceladas neste ano em função da pandemia, 55,1% dos pesquisados relataram que precisaram suspender os planos nos últimos meses. 

Sobre a Fecomércio RJ

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio RJ) é formada por 59 sindicatos patronais fluminenses e representa os interesses de todo o comércio de bens, serviços e turismo do estado. O setor reúne mais de 323 mil estabelecimentos, que respondem por 2/3 da atividade econômica do estado e representam 68% dos estabelecimentos fluminenses, gerando mais de 1,6 milhão de empregos formais no total, que equivalem a 61% dos postos de trabalho com carteira assinada no estado do Rio de Janeiro. Além disso, a Fecomércio RJ administra, no estado do Rio, o Serviço Social do Comércio (Sesc) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Comércio (Senac).



Edição anterior (2202):
sexta-feira, 20 de novembro de 2020
Ed. 2202:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2202): sexta-feira, 20 de novembro de 2020

Ed.2202:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior