Edição anterior (2082):
quinta-feira, 23 de julho de 2020
Ed. 2082:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2082): quinta-feira, 23 de julho de 2020

Ed.2082:

Compartilhe:

Voltar:


  Ambiente

 

 

Recuperação Sustentável para Economizar e Educar: Parque Natural Municipal ganha novas placas

Sinalização, direção e condutas

O Parque Natural Municipal de Petrópolis recebeu novas placas de sinalização. O trabalho faz parte do Projeto de Recuperação e Educação Ambiental da Secretaria de Meio Ambiente. Ao todo foram colocadas 15 novas placas que mostram a sinalização, direção e conduta que os visitantes do local devem seguir. A recuperação não teve custos para o município: o trabalho foi possível graças a doação do material por uma empresa local.

Essa é a primeira fase de um projeto de recuperação que também vai substituir as madeiras dos passadiços. “O Parque Natural Municipal está fechado para visitação, devido as ações de prevenção ao coronavírus, no entanto, quando for reaberto, os visitantes poderão conferir que o trabalho de conservação do parque continua. A substituição das placas era necessária e o próximo passo será a recuperação do passadiço”, explica o prefeito Bernardo Rossi.

As novas placas ganharam identidade visual nova, com a presença dos pássaros e de bromélias, mais uma ação do Projeto de Inteligência Ambiental. Os conceitos de orientação e navegação, com mapas e bússolas, foram destacados e ficaram coloridos para melhorar a visão geral das trilhas acessíveis e autorizadas da unidade de conservação.

“É uma unidade de conservação integral e ao exaltarmos esses espécimes, lembramos da importância da preservação da natureza. O parque é reconhecido como um recorte bioma da Mata Atlântica e tenho certeza que o resultado final ficará muito bonito”, disse Anderson Maverick, coordenador do Setor de Educação Ambiental da Secretaria de Meio Ambiente.

Tanto as placas quanto as madeiras que serão usadas na recuperação do passadiço foram doadas por uma empresa da cidade: todo o trabalho é sustentável, feito com madeiras reutilizadas.

“A sustentabilidade deve ser exaltada em todas as ações de preservação do Meio Ambiente. Ao recuperarmos esse importante equipamento público de lazer e que também utilizado como local de pesquisas e estudos sobre a Mata Atlântica, estamos dando mais um passo importante em prol da preservação da natureza”, completa o secretário de Meio Ambiente, Marcelo Fiorini.



Edição anterior (2082):
quinta-feira, 23 de julho de 2020
Ed. 2082:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2082): quinta-feira, 23 de julho de 2020

Ed.2082:

Compartilhe:

Voltar:







Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior