Edição anterior (1842):
terça-feira, 26 de novembro de 2019
Ed. 1842:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1842): terça-feira, 26 de novembro de 2019

Ed.1842:

Compartilhe:

Voltar:


  Polícia

Resultado do exame de DNA irá encerrar caso da bebê encontrada morta

Após investigações envolvendo a morte de uma mulher, de 37 anos, na UPA Cascatinha e da bebê encontrada morta em um porta-malas, a Polícia Civil acredita ter indícios suficientes para apontá-la como mãe da criança. No entanto, o delegado titular da 105ª DP, Cláudio Teixeira Batista, afirma que o resultado do DNA é necessário para confirmar o fato, sendo que o mesmo deve ser divulgado daqui a três meses (tempo necessário para análise das amostras).

Teixeira já havia informado o laudo do IML das vítimas e, na ocasião, foi constatado que a mulher teve parto normal, apesar das lesões encontradas no útero. “Acreditamos que ela tenha introduzido um objeto, que pode ter sido uma chave de fenda, para induzir o parto, visto que encontramos tal ferramenta suja de sangue na casa dela”. O delegado ainda destaca que a necropsia revelou que a bebê nasceu viva e sem nenhum problema de saúde evidente, apesar das lesões provocadas pela asfixia e queimaduras (que provocaram a morte da recém-nascida).

Ainda de acordo com o delegado, todas as pessoas ouvidas afirmaram não ter conhecimento da gravidez da vítima, incluindo o pastor que prestou socorro a mulher quando a mesma passou mal.

- O pastor foi chamado quando estava passando pelo local, após pessoas da igreja o chamarem para ajudar a prestar socorro. Por ser um líder da comunidade e saber dirigir, o pastor acabou levando-a para a UPA ao perceber que seu estado era grave. Vale ressaltar que eles não se conheciam, descartando assim qualquer ligação entre eles – destaca Cláudio. Na ocasião, a mulher foi socorrida na Unidade de Pronto Atendimento e, apesar dos esforços, faleceu devido a complicações respiratórias e a parada cardíaca.



Edição anterior (1842):
terça-feira, 26 de novembro de 2019
Ed. 1842:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (1842): terça-feira, 26 de novembro de 2019

Ed.1842:

Compartilhe:

Voltar:







Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior