Edição anterior (2294):
sábado, 20 de fevereiro de 2021
Ed. 2294:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2294): sábado, 20 de fevereiro de 2021

Ed.2294:

Compartilhe:

Voltar:


  Geral

Rua Teresa lança campanha para uso consciente da máscara

Ideia é mostrar que mesmo com a vacinação o uso do item ainda é indispensável

A campanha de imunização começou no Brasil, mas ainda segue lenta e por isso precisamos manter todos os protocolos que evitem a contaminação pelo novo coronavírus. Então, até que todos estejam vacinados, é preciso continuar com os novos hábitos, um deles o de usar máscaras. Visando reforçar a conscientização junto aos clientes, a Rua Teresa lançou mais uma campanha para incentivar o uso do item de proteção.

“Esta é a segunda campanha, a primeira foi no início da pandemia mostrando os protocolos adotados pela Rua para atendimento seguro. E agora, estamos no início da vacinação. Muitos acham que os cuidados podem ser deixados de lado. Mas o fato é que, até que toda população esteja imunizada, precisamos manter os mesmos cuidados. É difícil. Já temos um ano de pandemia e a Rua Teresa como um forte polo de moda do Estado tem essa responsabilidade com os colaboradores e clientes. O importante é manter o funcionamento do comércio com segurança”, explica Nathalia Neumann Duriez Mendes, empresária da Rua Teresa e responsável pela comunicação institucional da Associação da Rua Teresa (ARTE).

A campanha “Um sorriso no olhar...” ganha as redes sociais da Rua Teresa para trazer um pouco de esperança em tempos tão incertos. Os colaboradores das marcas foram fotografados e esbanjaram simpatia para mostrar que é possível sorrir mesmo usando máscaras.

“O nosso olhar diz muita coisa. Nos entrega quando estamos emocionados, revelam nossos medos, mas principalmente transmitem nossa energia. Com a campanha a ideia é mostrar que é preciso esperar mais um pouco para voltarmos à normalidade e que esse tempo de espera pode ser leve. É preciso ter paciência e continuar usando máscara e seguir com os hábitos de higienizar as mãos e manter o distanciamento sempre que possível”, reforça Denise Fiorini, presidente ARTE.

Outro motivo que reforça que o uso da máscara ainda é indispensável é o tempo mínimo que o sistema imune leva para responder à vacina. Os imunizantes disponíveis, até o momento, tem períodos diferentes para essa resposta do organismo. Segundo a vice-presidente da Sociedade Brasileira de Imunização (SBIm), a pediatra Isabella Ballalai, esse tempo pode ser de, no mínimo, 14 dias após receber a primeira dose de uma vacina. Em entrevista à Agência Brasil, ela explica porque é importante manter os protocolos de biossegurança.

“É muito importante que as pessoas entendam que será preciso continuar tomando os mesmos cuidados por mais algum tempo. Este ano tende a ser melhor que 2020, pois já temos mais conhecimento e algumas respostas à doença, mas, infelizmente, 2021 será ainda de distanciamento e de uso de máscaras”. Ela informa ainda que, para diminuir a transmissão da doença, será preciso vacinar, no mínimo, 60% da população brasileira.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), quando duas pessoas - tanto a que está doente, quanto a que está saudável - usam máscaras a chance de contágio pela Covid-19 é classificado como baixo.

E lembramos que o mais importante mesmo é se proteger caso precise sair de casa, usando máscara, mantendo distanciamento de outras pessoas, evitando aglomeração e higienizando as mãos sempre que possível. Cada um fazendo a sua parte!

A Rua Teresa está funcionando normalmente, de segunda a sábado, de 9h às 18h. Aos domingos o comércio está autorizado a abrir, mas cada um programa sua rotina, por isso é importante consultar sua marca preferida e verificar os horários. Quer conhecer nossa campanha? Siga a Rua nas redes sociais: @ruateresaoficial.

--



Edição anterior (2294):
sábado, 20 de fevereiro de 2021
Ed. 2294:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2294): sábado, 20 de fevereiro de 2021

Ed.2294:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior