Edição anterior (2160):
sexta-feira, 09 de outubro de 2020
Ed. 2160:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2160): sexta-feira, 09 de outubro de 2020

Ed.2160:

Compartilhe:

Voltar:


  Cidade

Setranspetro orienta alunos sobre gratuidade no transporte coletivo 

Aulas práticas em algumas universidades retornaram em meados de julho

Camila Caetano – especial para o Diário

 

Já se sabe que, em razão da pandemia, as aulas presenciais seguem suspensas na maioria das instituições do município. Apesar disso, em algumas universidades privadas de Petrópolis, os estudantes da área da saúde, já voltaram a estudar nessa modalidade. De maneira restritiva e seguindo os protocolos de prevenção ao novo vírus, estes alunos têm frequentado as universidades desde julho, seja para reposição de aulas, ou ainda, para as aulas práticas, realizadas nos laboratórios. Com isso, o Setranspetro orienta os estudantes para a reativação dos cartões de 50% de gratuidade no transporte público.

Para quem não sabe, alunos da rede particular de ensino que estejam cursando o Ensino Fundamental ou Médio têm direito a 50% de gratuidade no valor da passagem do transporte público. O mesmo benefício é concedido a alunos do Ensino Superior, de acordo com as informações da Setranspetro. Com o retorno das aulas, e a inatividade desse cartão, alguns estudantes não foram informados de como proceder e estão pagando o valor integral da passagem - principalmente os que moram em regiões mais distantes dos seus locais de estudo.

- A ausência desse cartão interfere, pois, sem ele pagamos mais pela passagem. Antes, ele dava uma aliviada, um suporte. Para ir e voltar da faculdade, eu gasto cerca de R$20,00 com as mesmas, mas, tem gente que gasta mais, pois, precisa pegar mais ônibus. Um exemplo disso, são os alunos que vem de Areal, ou da Baixada Fluminense. Eu estudo com um rapaz que precisa pegar cerca de oito ônibus para ir para a faculdade, e voltar para casa. Eu gasto R$20,00, por que de certa forma, moro perto do local em que estudo. No entanto, quem mora longe está sendo muito mais afetado – contou uma estudante da área da saúde, que não quis ser identificada. Ela reforça dizendo que apesar das aulas não ocorrerem todos os dias, os gastos são verificados.

O Setranspetro informou que, até o momento, apenas duas instituições de ensino superior, sendo a Fase e a Estácio de Sá, procuraram o sindicato para informar a retomada presencial dos cursos laboratoriais da área de saúde.

Para estes alunos, basta comparecer ao Setranspetro, localizado na Praça da Inconfidência, 16 – Centro. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 16h.

Os alunos que estão cursando a faculdade devem apresentar:

• Cópia e original do boleto bancário pago do mês corrente ou declaração de matrícula original do mês assinada e carimbada;
• Grade curricular presencial do semestre em vigor (horários) assinada e carimbada;
• Cópia e original do comprovante de renda do aluno do mês;
• Cópia da identidade e do CPF;
• Uma foto 3×4 (atual e com fundo branco);
• Comprovante de residência do mês atual ou do anterior no nome do responsável legal (cópia).

Para comprovação de matrícula os documentos solicitados são:

• Cópia e original do boleto bancário pago do mês corrente ou declaração de matrícula original do mês assinada e carimbada;
• Grade curricular presencial original do semestre em vigor (horários) assinada e carimbada;
• Comprovante de residência do mês atual ou do anterior no nome do responsável legal (cópia);
• Cópia e original do comprovante de renda do aluno do mês (contracheque ou cópia da carteira de trabalho, por exemplo).



Edição anterior (2160):
sexta-feira, 09 de outubro de 2020
Ed. 2160:

Capa

Compartilhe:

Voltar:

HOJE

Edição anterior (2160): sexta-feira, 09 de outubro de 2020

Ed.2160:

Compartilhe:

Voltar:








Rua Joaquim Moreira, 106
Centro – Petrópolis – RJ
Cep: 25600-000

ABRAJORI – Associação Brasileira dos Jornais do Interior